Rooney elogia trabalho de Capello na seleção inglesa

O atacante Wayne Rooney, do Manchester United, elogiou nesta terça-feira o trabalho do técnico Fabio Capello à frente da seleção inglesa. Segundo ele, o italiano soube reerguer o espírito da equipe, abalada pela não classificação para a Eurocopa de 2008, e fez os jogadores reencontrarem o melhor futebol.

AE-AP, Agencia Estado

31 de março de 2009 | 09h51

"Desde que nosso técnico assumiu o cargo a rotina mudou e a seleção começou a jogar bem melhor. Conseguimos vencer os jogos nas Eliminatórias e temos de manter esse ritmo", afirmou o atacante, autor de dois gols na vitória por 4 a 0 sobre a Eslováquia, em amistoso disputado no último sábado, e confirmado como titular para o jogo desta quarta contra a Ucrânia, em Wembley, pelas Eliminatórias da Copa de 2010. "Felizmente estou tendo a chance de marcar meus gols."

Rooney, de 23 anos, estreou na seleção principal em 2003 e fará nesta quarta sua 50ª partida, tornando-se o mais jovem jogador a atingir tal marca. "Ainda tenho arrepios na espinha quando entro em campo pela seleção, e sonho em ganhar um troféu pela Inglaterra", disse o atacante, que tem 21 gols marcados pela equipe inglesa.

Para o jogo desta quarta, Capello foi obrigado a chamar às pressas mais um atacante, Gabriel Agbonlahor, do Aston Villa, já que perdeu Darren Bent, Carlton Cole e Emile Heskey desde a semana passada. Além dele e Rooney, o grandalhão Peter Crouch é o outro jogador disponível para o setor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.