Rosario bate o Cerro no Paraguai e classifica o Palmeiras

O Rosario Central fez um grande favor ao Palmeiras na noite desta quinta-feira. Venceu o Cerro Porteño por 3 a 1, em pleno Estádio Defensores Del Chaco, em Assunção, no Paraguai, e classificou o time de Emerson Leão para a próxima fase da Copa Libertadores.O Palmeiras já assegurou, no mínimo, a segunda colocação do Grupo 7. Tem nove pontos, dois a mais que o Atlético Nacional, da Colômbia, e quatro a mais que o Cerro e Rosario. O time brasileiro só pode ser ultrapassado pelo colombiano.Por isso, a partida do dia 13 de abril, no Parque Antártica, contra o próprio Cerro, servirá apenas para definir se o Palmeiras ficará na primeira ou na segunda posição. No mesmo dia, o Atlético Nacional vai à Argentina enfrentar o Rosario precisando da vitória para seguir na competição.O Cerro Porteño dominou a partida desta quinta, mas esbarrou na grande atuação do goleiro Álvarez e na falta de pontaria de seus atacantes.Na base do contra-ataque, o Rosario abriu o placar aos 41 minutos do primeiro tempo, com o atacante Rubén.Apoiado pela torcida, o Cerro empatou logo aos quatro da segunda etapa. Salcedo aproveitou uma sobra na área e bateu forte, sem chance de defesa para Álvarez.O Rosario teve a chance de desempatar três minutos depois, quando De Vaca cometeu pênalti sobre Días. Vitti bateu no canto esquerdo e o goleiro Barreto defendeu.Mas o time argentino manteve a tranqüilidade e chegou ao segundo gol aos 26 com Ruben, que entrou na área pela esquerda e bateu cruzado. O terceiro veio logo em seguida: três minutos depois, Encina também chutou cruzado para fechar o marcador.

Agencia Estado,

06 de abril de 2006 | 22h08

Tudo o que sabemos sobre:
libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.