Rossi faz volta à Yamaha em teste liderado por Bautista

A temporada da MotoGP acabou no último domingo e, na mesma pista da última etapa do Mundial deste ano, em Valência, os pilotos já iniciaram, nesta terça-feira, os testes coletivos visando o campeonato de 2013 da categoria. A principal novidade destes primeiros trabalhos foi o retorno do italiano Valentino Rossi à Yamaha, após ficar dois anos na Ducati e não conseguir repetir o sucesso de outros tempos.

AE, Agência Estado

13 de novembro de 2012 | 14h53

Rossi será companheiro de equipe do espanhol Jorge Lorenzo, atual campeão mundial, mas não conseguiu andar como gostaria no circuito de Cheste por causa das condições climáticas adversas. As temperaturas baixas e a chuva atrapalharam os trabalhos das equipes, e o piloto sete vezes campeão da maior categoria da motovelocidade mundial não foi para a pista nos momentos finais, justamente por causa do grande volume de água no asfalto.

No final das contas, Rossi acabou ficando em sexto lugar no teste, que teve o espanhol Álvaro Bautista, da Honda Gresini, com o tempo de 1min35s936 em sua melhor volta. Jorge Lorenzo, o seu compatriota Dani Pedrosa e o australiano Casey Stoner, que foram os três primeiros colocados do último Mundial, não participaram dos trabalhos em Valência nesta terça.

A segunda posição do dia ficou com o alemão Stefan Bradl, da LCR Honda, enquanto o italiano Andrea Dovizioso, novo piloto da Ducati, garantiu o terceiro lugar. O japonês Hiroshi Aoyama e o norte-americano Nicky Hayden vieram logo atrás, respectivamente na quarta e quinta colocações.

Já Rossi, sem muito tempo de pista para mostrar serviço em sua volta à Yamaha, foi 7s8 mais lento do que Bautista na sua melhor volta nesta terça-feira. As condições climáticas ruins do dia, por sinal, acabaram inviabilizando a participação no teste de dois estreantes na MotoGP: o espanhol Marc Márquez, da Repsol Honda, e o italiano Andrea Iannone, da Pramac, que ficaram nos boxes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.