Roth diz que líder Cruzeiro ainda precisa melhorar

Celso Roth tratou de esfriar a empolgação do líder Cruzeiro nesta quinta-feira. O treinador fez elogios ao bom início de campeonato do time, mas avisou que serão necessários ajustes antes de maiores pretensões no Brasileirão.

AE, Agência Estado

28 de junho de 2012 | 20h59

"O Cruzeiro está fazendo uma campanha interessante, mas é início de campeonato, falta muita coisa ainda. Eu tenho dito que nós ainda não estamos como gostaríamos e muito menos como o torcedor gostaria. Temos muitas coisas para fazer, conseguimos quatro vitórias consecutivas, mas é pouco ainda, porque o campeonato tem uma durabilidade enorme", afirmou.

Na avaliação do técnico, o Cruzeiro precisa saber trabalhar melhor no campo de ataque e deve reduzir os erros de passe. "Temos que ser mais equilibrados, jogando mais no campo do adversário, com uma ofensividade mais equilibrada para ter o comando do jogo. Ainda temos problemas nesse sentido, de qualidade, posse de bola, fazer a bola rodar para os dois lados, menos erros de passe. Isso vai com o tempo, com a confiança".

Na tentativa de fazer estes devidos ajustes, Roth resolveu mudar o meio-campo no treino desta quinta-feira. Ele sacou Willian Magrão e deu nova chance a Tinga. Na defesa, manteve Rafael Donato e Léo, apesar do retorno de Diego Renan. Substituto de Mateus, suspenso, Donato tem boas chances de fazer sua estreia pelo Cruzeiro no sábado, diante do São Paulo.

Assim, o time mineiro deve entrar em campo no domingo com: Fábio; Léo, Rafael Donato, Victorino e Everton; Leandro Guerreiro, Charles, Tinga e Montillo; Fabinho e Wellington Paulista.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroCelso Roth

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.