Roy Makaay anuncia aposentadoria aos 35 anos

Holandês anunciou que será técnico das categorias de base do time de Roterdã na próxima temporada

AE, Agência Estado

26 de abril de 2010 | 11h21

O atacante Roy Makaay, do Feyenoord, decidiu se aposentar ao término da temporada 2009/2010, encerrando uma carreira de 253 gols marcados nos 17 anos em que defendeu cinco clubes diferentes. Makaay, que marcou seis gols em 45 partidas pela seleção holandesa, anunciou nesta segunda-feira que se tornará técnico das categorias de base do time de Roterdã na próxima temporada.

Com 35 anos, Makaay iniciou a sua carreira no Vitesse Arnhem, da Holanda, antes de se transferir para o futebol espanhol, onde defendeu o Tenerife e o Deportivo La Coruña. Ele também passou pelo Bayern de Munique antes de ser contratado pelo Feyernoord há três anos. Makaay é autor do gol mais rápido da história da Liga dos Campeões da Europa. Em 2007, ele marcar para o Bayern aos 11 segundos de uma partida contra o Real Madrid.

"Não estamos apenas dizendo adeus a um jogador do Feyenoord, mas a uma jogador que em 17 anos tornou-se um jogador de alto nível europeu", afirmou Leo Beenhakker, técnico do time holandês. Ele disse que Makaay vai trabalhar nas categorias de base do Feyenoord enquanto estudará para obter o certificado de treinador.

Makaay espera terminar a sua carreira conquistando o título da Copa da Holanda, no dia 6 de maio. O time de Roterdã perdeu o primeiro jogo da final para o Ajax, em Amsterdã, por 2 a 0, no domingo. "Não será fácil superar um resultado negativo de 2 a 0, mas eu tenho um bom sentimento de que eu posso ter um belo fim na minha carreira", disse Makaay.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolRoy Makaayaposentadoria

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.