LINDSEY PARNABY/AFP
LINDSEY PARNABY/AFP

Salah, indicado do The Best, fala sobre renovação no Liverpool: 'Não estou pedindo nenhuma loucura'

Clube inglês ainda não entrou em contato com o atacante egípcio para tratar do assunto

Redação, Estadão Conteúdo

11 de janeiro de 2022 | 12h40

Vivendo uma grande fase na carreira e concorrendo ao prêmio Fifa The Best de melhor jogador da temporada, o atacante egípcio Mohamed Salah quer saber mesmo como fica o seu contrato de renovação com o Liverpool, que é válido até junho de 2023. Acontece que até o momento o clube inglês não entrou em contato com o jogador ou com seus representantes para tratar do assunto.

Inclusive, em entrevista à revista inglesa GQ Sport, Salah contou que os dirigentes já sabem o que é preciso para que ele continue defendendo as cores do Liverpool. Além disso, afirma que seu desejo é ficar na equipe inglesa, lembrando também da relação que mantém com a torcida, que tem muito carinho pelo egípcio.

"Eu quero ficar, mas está tudo nas mãos do Liverpool. Eles sabem o que eu quero e eu não estou pedindo nenhuma loucura. A questão quando se pede algo é saber se há abertura para aceitar o pedido tendo em conta o que já fiz pelo clube", disse o jogador. "Estou aqui há cinco anos, conheço o clube muito bem, adoro os torcedores e os torcedores também gostam de mim. Em relação à direção, eles conhecem bem a situação e está nas mãos deles", ressaltou.

Nesta temporada, Salah marcou 23 gols e deu nove assistências nas 26 partidas em que esteve em campo pelo Liverpool, contando todas as competições - Campeonato Inglês, Copa da Inglaterra, Copa da Liga Inglesa e Liga dos Campeões da Europa. No momento, o atleta está a serviço da sua seleção disputando a Copa Africana de Nações, em Camarões, e é desfalque no clube inglês até que o torneio continental termine.

Inclusive, em uma das últimas entrevistas de 2021, o técnico do Liverpool, o alemão Jurgen Klopp, não conseguiu escapar dos questionamentos sobre as negociações da renovação de contrato do jogador. O comandante destacou que a ideia é que se firme um contrato que seja benéfico para ambas as partes, mas que conversas por renovação geralmente demoram.

"Estamos conversando e o que quer seja para estender um contrato com um jogador como Mo (Salah). Você não se encontra para uma xícara de chá à tarde e chega a um acordo. Isso é completamente normal. Mo está bem, estamos bem. Acho que o que todos nós queremos é claro, e coisas assim precisam de tempo, é isso", contou o treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.