Divulgação
Divulgação

Santa Cruz derrota o Macaé, vence a 7ª em casa e encosta no G4

Grafite marca  gol que deu a vitória ao time de Pernambuco

Estadão Conteúdo

22 de agosto de 2015 | 00h05

O Santa Cruz sofreu, mas chegou à sétima vitória seguida em casa e se aproximou do G4, a zona de acesso, no Campeonato Brasileiro da Série B. Sem apresentar um futebol brilhante, o time pernambucano contou com a estrela do atacante Grafite, autor do gol da vitória sobre o Macaé por 1 a 0, nesta sexta-feira, no estádio do Arruda, no Recife. O duelo foi válido pela 20.ª rodada.

Com o excelente aproveitamento como mandante, o time tricolor pernambucano continua em sua campanha de recuperação na Série B. Agora, já ocupa a sétima posição provisória, com 31 pontos. Dois a menos que o quarto colocado Bahia. Já o clube carioca acumulou a oitava rodada sem vitórias, com três empates e cinco derrotas. Com isso, estacionou nos 24 pontos, na 13.ª colocação.

Após três bolas na trave, duas do Santa Cruz e uma do Macaé, as redes só foram balançar aos 14 minutos do segundo tempo. E graças ao oportunismo do atacante Grafite, que fez a festa da torcida local. O veterano recebeu passe do meia Luisinho, girou sobre o marcador e bateu de bico, no canto direito do goleiro Rafael.

Depois disso, o Macaé ainda foi ao ataque e criou várias chances. Principalmente porque o Santa Cruz demonstrou visível desgaste físico. Por sorte, não levou o empate e sua torcida festejou uma importante vitória.

Pela 21.ª rodada, no próximo sábado, dia 29, às 16h30, o Santa Cruz volta a campo para enfrentar o Paraná, no estádio Durival de Britto, em Curitiba. Já o Macaé joga contra o Sampaio Corrêa, no mesmo dia e horário, no estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ).

CRICIÚMA 

Num jogo muito fraco tecnicamente, com mais de 70 passes errados, Criciúma e Mogi Mirim ficaram no empate por 0 a 0, na noite desta sexta-feira, no Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma, na abertura da 20.ª rodada da Série B. O ponto conquistado muda muito pouco a situação dos times na classificação, vaiados ao final do resultado justo. 

O Criciúma fica em nono, com 28, distante do G4, zona de acesso. Por sua vez, o Mogi segue na vice-lanterna, com 17, e tendo que secar o Ceará para não voltar à lanterna. 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BSanta CruzMacaé

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.