Santa Cruz vai à Justiça pela Série A

Mais uma confusão jurídica está prestes a atrapalhar os planos da CBF na organização do Campeonato Brasileiro. O Santa Cruz promete entrar na Justiça Comum para tentar sua integração na Série A, numa manobra semelhante à do gaúcho Caxias. O pedido em nome do clube pernambucano será feito pela prefeitura de Belo Jardim, que já acionou seu departamento jurídico.Rebaixado ano passado, o Santa Cruz alega que alguns times estariam incluídos na elite nacional de forma irregular. São os casos de Paraná, São Caetano e Fluminense, que ascenderam à Série A só após a participação na Copa João Havelange, na temporada 2000. O clube pernambucano alega que assegurou o acesso um ano antes, em 1999, ao lado do Goiás. Argumenta ainda que a Copa JH não foi uma competição oficial, porque não foi organizada pela CBF.A iniciativa de medida seria do prefeito João Mendonça, de Belo Jardim, uma cidade que fica a cerca de 200 quilômetros da capital Recife e tem pouco mais de 70 mil habitantes. A ligação dos dirigentes do Santa Cruz com a cidade é estreita. Até mesmo porque, o atual presidente do clube, Itamar Pereira, é nascido em Belo Jardim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.