Santo André contrata "rei dos acessos"

Na tentativa desesperada de ainda conquistar o acesso à Série B em 2004, a diretoria do Santo André fez uma troca de técnico nesta quinta-feira, na véspera da última rodada do quadrangular final da Série C. Após o pedido de demissão de Luís Carlos Martins, o clube optou pela contratação do "Rei dos Acessos", Luiz Carlos Ferreira, com a missão de "operar" verdadeiro milagre. "Só aceitei o convite por causa do meu relacionamento com o clube e seus dirigentes. Mas é importante ressaltar que antes de qualquer conversa quis saber da situação do Luís Carlos Martins, que é um profissional correto e que merece meu respeito", disse Ferreira, ainda em Leme, mas de malas prontas para o ABC. O ex-técnico do Marília, conhecido por levar muitos times do interior ao acesso, reconhece as dificuldades que terá em apenas três dias de trabalho: "É um desafio, mas que estou acostumado na carreira". No primeiro semestre, Ferreira dirigiu o próprio Santo André no Campeonato Paulista, classificando-o entre os oito primeiros colocados. Depois comandou o Figueirense, por alguns jogos na Série A do Brasileiro, e por último dirigiu o Marília a partir da última rodada da fase de classificação na Série B. Duas finais - O demissionário Luís Carlos Martins, cotado para assumir o Marília, deixou o clube satisfeito com seu trabalho de apenas dois meses: "Levamos o Santo André a duas finais", comentou, referindo-se à Série C e a Copa Estado de São Paulo. Esta competição será definida nos dias 10 e 14 diante do Ituano, com o primeiro jogo em Itu e o segundo no ABC, valendo uma vaga para a Copa do Brasil do próximo ano. Se a matemática favorece o Santo André, as circunstâncias são extremamente contrárias. O time é vice-líder do quadrangular, com sete pontos, um a mais que Campinense, seu próximo adversário, e o Botafogo que o derrotou por 1 a 0, quarta-feira, no ABC. O problema é que o time paulista vai atuar em Campina Grande, diante de muitas adversidades naturais como a torcida, o calor e a pressão de uma decisão. O Ituano, com 10 pontos, já tem uma vaga assegurada na Série B. Uma vitória deixaria o Santo André com 10 pontos e o acesso garantido. O time pode se classificar até mesmo com um empate, que o levaria aos oito pontos, contra sete do Campinense, desde que o Botafogo não vença o Ituano, em João Pessoa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.