Santo André derrota Portuguesa e segue vice-líder

O Santo André chegou à quinta vitória consecutiva no Campeonato Paulista neste sábado. O time do ABC venceu a Portuguesa, por 2 a 0, em jogo realizado no Estádio Bruno José Daniel, pela 11.ª rodada. O resultado acabou com tabu de quase 23 anos sem derrotas da Lusa para o rival.

AE, Agencia Estado

27 de fevereiro de 2010 | 22h23

A última vitória tinha sido no dia de 13 de maio de 1987. Desde então foram 14 jogos, com oito vitórias da Lusa e seis empates. O Santo André permanece na segunda colocação, agora, com 24 pontos, um a menos que o Santos. A Portuguesa é somente a nona colocada, com 15.

VEJA TAMBÉM:
lista PAULISTÃO - Mais sobre a competição
PAULISTÃO - lista Tabela | tabela Classsificação
O primeiro tempo foi muito movimentado no Grande ABC. O Santo André teve um gol anulado aos sete minutos. A vantagem no placar só veio aos 16. Cicinho levantou do lado direito e o volante Acleisson tentou cortar, mas acabou marcando contra. O time da casa poderia ter ampliado aos 36 minutos, em cobrança de pênalti. Mas Bruno César bateu muito forte e mandou por cima do travessão.

No segundo tempo, o Santo André esperou a Portuguesa tentar o empate e jogou nos contra-ataques. A situação ficou melhor para o time do Grande ABC quando Acleisson cometeu falta em Cicinho e foi expulso, deixando a Portuguesa com um jogador a menos, aos 30 minutos. Na cobrança da falta, Bruno César levantou para dentro da área e Rodriguinho tocou de cabeça para fazer o segundo gol e definir o placar.

Pela 12.ª rodada, Santo André e Portuguesa voltam a campo na quarta-feira. O Santo André encara o Palmeiras, às 21h50, no Palestra Itália, enquanto a Lusa recebe o Rio Claro, às 19h30, no Canindé.

SANTO ANDRÉ 2 x 2 PORTUGUESA

Santo André - Júlio César; Cicinho, Cesinha, Halisson e Carlinhos; Alê, Gil (Ricardo Conceição), Branquinho (Pio) e Bruno César; Rafael Silva (Renato Dias) e Rodriguinho. Técnico: Sérgio Soares.

Portuguesa - Andrey; Paulo Sérgio, Thiago Gomes, Preto Costa e Fabrício; Acleisson, Marco Antônio, Athirson (Gláuber) e Héverton (Jean Natal); Luís Ricardo e Luís Carlos (Biscayzacu). Técnico: Vágner Benazzi.

Gols - Acleisson (contra), aos 16 minutos do primeiro tempo. Rodriguinho, aos 30 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Gil (Santo André); Fabrício e Athirson (Portuguesa).

Cartões vermelhos - Halisson (Santo André); Acleisson (Portuguesa).

Árbitro - Paulo Roberto Ferreira.

Renda - R$ 37.267,00.

Público - 2.228 pagantes.

Local - Estádio Bruno José Daniel, em Santo André (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.