Santo André empata com Cerro Porteño

O Santo André continua sem vencer em jogos internacionais, mas conquistou seu primeiro ponto nesta quinta-feira. Em sua segunda partida na Copa Libertadores, o time paulista empatou por 2 a 2 com o Cerro Porteño, do Paraguai, no Estádio Bruno José Daniel. Como perdeu para o Deportivo Táchira, da Venezuela, em sua estréia por 1 a 0, o Santo André ocupa a última colocação do Grupo 4, com apenas um ponto. O líder é o Palmeiras, que chegou aos quatro pontos. O jogo começou com uma blitz do time da casa, mas aos três minutos uma queima de fogos fora do estádio fez o árbitro interromper o jogo, brecando também o ímpeto dos donos da casa. O jogo estava equilibrado até os 17 minutos, quando em um rápido contra-ataque Santiago Salcedo recebeu pela direita e bateu cruzado, abrindo o placar. O gol não desanimou o time do ABC, que perdeu uma boa oportunidade com Romerito, que tentou de cabeça, aos 32 minutos. Aos 40, no entanto, Rodrigão conseguiu empatar o jogo. Após cruzamento de Romerito, a defesa não afastou e ele apenas colocou com categoria no fundo da rede. O empate parecia ser o resultado provável do primeiro tempo, mas aos 47 minutos os paraguaios conseguiram nova vantagem. Ramirez ficou com sobra fora da área e acertou o ângulo, sem chances para Júlio César. Angustiados por não saber se o gol motivaria ou abalaria o time no segundo tempo, os torcedores do Santo André puderam respirar aliviados aos oito minutos. Romerito arriscou com violência de fora da área, Aceval deu rebote e mais uma vez Rodrigão apareceu para completar. A reação só não foi completa pois aos 21 minutos o ala Richarlyson deu um tapa em Cristaldo e acabou expulso, mas curiosamente aplaudido pela torcida. Com um a menos, o Santo André ficou no dilema: atacar e ser atacado ou segurar o resultado por ter um jogador a menos. Nesta dúvida, o time até conseguiu manter a posse de bola, mas não teve forças para chegar ao gol. Ao término do jogo a torcida, que apoiou durante todo o tempo, deu os primeiros sinais de descontentamento com o time, com muitas vaias. Foi o terceiro jogo consecutivo do time sem vitória, entre Libertadores e Campeonato Paulista. O Santo André volta a campo pela Libertadores na próxima quarta-feira para enfrenta o Palmeiras, no primeiro confronto nacional na competição. Antes, no domingo, pelo Campeonato Paulista, recebe o Corinthians em Santo André.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.