Santo André espera por Richarlyson

Amparado pela liminar conquistada na última quarta-feira junto ao TRT de São Paulo (SP), o Santo André aguarda pela reapresentação do meia Richarlyson, que há duas semanas entrou na justiça contra o clube alegando falta de recolhimento de seu Fundo de Garantia (FGTS). O jogador, que na quinta-feira treinou pela primeira vez no São Paulo, tem prazo de dez dias para aparecer no clube do ABC Paulista, caso contrário está prevista uma multa diária.Apesar a forma como o jogador saiu do clube ter gerado muitas críticas e irritação por parte dos dirigentes, o diretor Sérgio do Prado declarou nesta quinta-feira que aguarda "de braços abertos" o retorno do meia. Ainda segundo Prado, Richarlyson é esperado na próxima semana para uma conversa e até uma volta ao elenco profissional não está descartada. "Vamos conversar com ele e ver sua intenção. A partir daí tomaremos alguma decisão", explicou.Mesmo com a liminar, o Santo André admite negociar o jogador. No entanto, quem quiser contar com o futebol do meia terá que desembolsar R$ 2.600.00,00, valor de sua multa. O Santo André lidera a Série B do Campeonato Brasileiro, com 15 pontos, e no sábado recebe o Gama, no Estádio Bruno José Daniel, em Santo André (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.