Santo André quer encerrar jejum de vitórias fora de casa

A vitória sobre o líder Palmeiras, na última quarta-feira, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro, não só tirou o Santo André da zona de rebaixamento, mesmo que provisoriamente, como também quebrou a sequência de três jogos sem vitórias do clube do ABC paulista. Aliviado por voltar a somar três pontos, o time quer agora por fim ao jejum de vitórias longe de casa.

AE, Agencia Estado

22 de outubro de 2009 | 19h26

O último triunfo como visitante foi há mais de dois meses, quando bateu o Botafogo, no Engenhão, no dia 19 de agosto. De lá para cá foram quatro derrotas e um empate, o que deixa o clube com um dos piores desempenhos fora de casa no Brasileirão. Em 15 jogos, foram três vitórias, três empates e nove derrotas.

"Conseguimos recuperar a autoconfiança e a vontade de ganhar, querendo o algo a mais que estava faltando. Contra o Cruzeiro (na próxima quarta, no Mineirão), nossa vontade e nossa superação serão bem maiores do que nesta partida. Sabemos a dificuldade que é jogar no Mineirão, mas o resultado de quarta-feira nos dá tranquilidade e não relaxamento", afirmou o meia Marcelinho Carioca.

A vitória sobre o Palmeiras levou o Santo André para a 16.ª colocação, com 32 pontos, e fora da zona de rebaixamento. Agora, o time do ABC torce por tropeços de Botafogo e Náutico contra Flamengo e Barueri, respectivamente, para seguir fora da zona da degola.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSanto AndréMarcelinho Carioca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.