Santo André reclama da arbitragem no Brasileirão

A derrota por 2 a 1 para o Flamengo, no último domingo, foi a primeira do Santo André no Brasileirão. Mas deixou o técnico Sérgio Guedes irritado. Inconformado com um gol anulado do seu time, ele disparou contra a arbitragem e enumerou os erros cometidos até agora.

AE, Agencia Estado

25 de maio de 2009 | 17h41

"No gol do Botafogo (empate por 1 a 1), o jogador deles (Victor Simões) estava ligeiramente impedido. Contra o Coritiba (vitória por 4 a 2), não deram um pênalti claro no Gustavo Nery. Agora esse lance. Terceira rodada, terceira vez prejudicados. Não justifica os resultados, mas são fatos", reclamou Sérgio Guedes.

Autor do gol anulado contra o Flamengo, Nunes também acusou a arbitragem e disse não ter entendido a decisão do árbitro no lance, ocorrido logo aos dois minutos de jogo. "Estranhei quando ele disse que eu tinha feito falta. Dividi na boa com o Obina. Mas é assim mesmo. Esse campeonato vai ser complicado. Todos querendo prejudicar o Santo André", disse o atacante.

Com uma vitória, um empate e uma derrota no Brasileirão, o elenco do Santo André se reapresentou nesta segunda-feira. Os atletas que não jogaram contra o Flamengo treinaram no campo, enquanto os outros se recuperaram do desgaste com uma sessão de alongamento. O próximo compromisso é contra o Atlético-MG, no sábado, em Belo Horizonte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.