Ricardo Saibun/Divulgação - 17/5/2013
Ricardo Saibun/Divulgação - 17/5/2013

Santos acerta verbalmente a venda do goleiro Rafael para o Napoli

Clube italiano vai pagar 5 milhões de euros (cerca de R$ 15,4 milhões) para ter o goleiro

SANCHES FILHO, Agência Estado

28 de junho de 2013 | 18h50

SANTOS - O Napoli acertou verbalmente nesta sexta-feira a contratação do goleiro Rafael por 5 milhões de euros (cerca de R$ 15,4 milhões). O Santos, dono de 70% dos direitos do jogador, vai receber R$ 10,7 milhões, enquanto o restante será divido entre a TEISA (grupo de investidores formado por conselheiros santistas), que detém 15%, e o próprio atleta. Como de praxe, os dirigentes não confirmaram o acerto porque a documentação relativa à transferência ainda não foi assinada.

Rafael, que tem 23 anos, interessava também a outros dois clubes italianos, Roma e Inter de Milão, mas optou pelo Napoli por questões salariais. O que ajudou nas negociações foi que, por ter passaporte comunitário, ele não vai tirar a vaga de um jogador estrangeiro.

O Santos confirmava ter sido sondado por interessados na contratação de Rafael, mas negava ter recebido propostas oficiais. O próprio goleiro, no entanto, confidenciou no começo da semana que tinha convites da Roma e do Napoli e que ainda não havia decidido para onde ir porque tinha até o dia 31 de agosto, quando fecha a janela de transferências na Europa, para fazer a escolha.

Se não negociasse Rafael agora, o Santos poderia perdê-lo de graça em setembro de 2014, quando acaba seu contrato - em março, o goleiro já teria condições legais para assinar pré-contrato com qualquer clube. Com a saída dele, Aranha e Vladimir vão brigar para ser o novo titular da camisa 1 santista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.