Divulgação/Santos FC
Divulgação/Santos FC

Santos anuncia a contratação da atacante Cristiane

Com 34 anos, atleta retorna ao clube da Vila Belmiro, após passagem pelo São Paulo

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de janeiro de 2020 | 20h34

A atacante Cristiane, uma das jogadores de maior destaque do futebol brasileiro, está de volta ao Santos. Nesta quinta-feira, o clube alvinegro anunciou a contratação da atleta de 34 anos, que estava no São Paulo, para a temporada de 2020 da equipe das Sereias da Vila. Ela é a quinta maior artilheira da história santista com 46 gols somados em suas duas passagens.

Pelo Santos, Cristiane já foi duas vezes campeã da Copa Libertadores, uma da Copa do Brasil e uma do Campeonato Paulista. A sua marca de 46 gols é destacada, ainda mais pelo fato dela ter sido conseguida em apenas 29 jogos, o que faz ela tenha, até hoje, uma média de 1,5 gol por partida com a camisa alvinegra. A sua apresentação ocorrerá às 12 horas desta segunda-feira, na Vila Belmiro.

"Estou de volta pra casa. Fui muito feliz aqui nas duas passagens, com títulos e gols. As Sereias da Vila têm uma história gigantesca, abrindo as portas para o futebol feminino desde o início. É muito gratificante saber que fiz parte desses momentos no passado e agora quero escrever novos capítulos com essa camisa", declarou a mais nova contratada da equipe feminina do Santos.

"Além de ser muito identificada com o Santos, Cristiane é peça-chave desta reformulação que promovemos no elenco das Sereias da Vila. Sua contratação é um reflexo do que almejamos e estamos trabalhando para a temporada de 2020, que é a construção de uma equipe competitiva, ousada, que mescle grandes revelações trabalhando em conjunto com nomes já consolidados do cenário futebolístico feminino, sempre tendo como prioridade manter a nossa identidade", declarou Alessandro Rodrigues, gerente de futebol feminino do Santos.

Cristiane atuou em 2019 no futebol brasileiro, jogando pelo São Paulo. A atacante sofreu com lesões, principalmente depois da disputa do Mundial Feminino, realizado em junho e julho na França. O Brasil caiu nas oitavas de final para as anfitriãs.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.