Santos apanha do Coritiba e estaciona nos 36 pontos

Time da Vila tinha a esperança de se recuperar da surra sofrida para a Portuguesa: não conseguiu

Gabriel Melloni, Agência Estado

09 de outubro de 2013 | 21h29

CURITIBA - O Santos tinha a esperança de se recuperar da surra sofrida no fim de semana para a Portuguesa. Não conseguiu. Perdeu outra e ainda recuperou o Coritiba, de Alex. Depois de sete jogos, o time do Paraná finalmente voltou a vencer no

Bastou uma desatenção do Santos na marcação, no entanto, para o Coritiba criar sua melhor oportunidade. Depois de muito rodar a bola na intermediária adversária, o time paranaense quase marcou quando Julio César recebeu dentro da área, dominou e encheu o pé. A bola explodiu no travessão de Aranha. Já nos acréscimos, Luccas Claro aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou rente à trave. O Coritiba voltou para o segundo tempo disposto a aumentar a pressão e passou a encurralar o Santos no campo de defesa. Aos três minutos, Julio César perdeu boa chance. Dois minutos depois, foi a vez de Alex, de bicicleta, quase marcar. Depois, Luccas Claro novamente levou perigo após cobrança de escanteio.

De tanto insistir, o Coritiba finalmente abriria o placar aos 17 minutos. Quando o Santos tentou se mandar ao ataque, foi a vez do time paranaense explorar o contra-ataque. Victor Ferraz arrancou pelo lado direito e cruzou na medida para Julio César, que aproveitou falha de marcação de Edu Dracena e bateu sem chances para Aranha. Mesmo com o gol, o Coritiba seguia melhor, quase sempre buscando Julio César, que fazia ótima partida e incomodava muito a defesa adversária. Aos 32, ele quase marcou em cobrança de falta de longe, que passou perto do travessão. Dois minutos depois, Júnior Urso recebeu enfiada de bola e, sozinho, dentro da área, bateu em cima de Aranha, na última oportunidade do jogo.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA 1 X 0 SANTOS

CORITIBA - Vanderlei; Victor Ferraz, Leandro Almeida, Luccas Claro e Diogo; Uelliton, Gil, Robinho (Júnior Urso) e Alex (Lincoln); Geraldo (Carlinhos) e Julio César. Técnico: Péricles Chamusca.

SANTOS - Aranha; Bruno Peres, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Emerson; Alison, Arouca (Pedro Castro) e Cícero; Everton Costa (Neilton), Willian José (Giva) e Thiago Ribeiro. Técnico: Claudinei Oliveira.

GOL - Julio César, aos 17 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Alício Pena Júnior (MG).

CARTÕES AMARELOS - Diogo Goiano, Uelliton (Coritiba); Arouca, Everton Costa, Neilton (Santos).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCoritibaSantos fc

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.