Santos busca recuperar retrospecto positivo em casa diante da Chapecoense

Sem Daniel Guedes e Bruno Henrique, Matheus Ribeiro e Thiago Ribeiro devem ser titulares na Vila Belmiro

Estadão Conteúdo

19 de julho de 2017 | 06h06

O Santos terá duas oportunidades nas próximas rodadas do Campeonato Brasileiro para melhorar o desempenho dentro de casa, característica que marcou a equipe em temporadas anteriores, mas que não vem se confirmando neste ano. A primeira destas chances acontecerá nesta quarta-feira, às 19h30, diante da Chapecoense, no estádio da Vila Belmiro, em Santos. Depois, os santistas enfrentarão o Bahia, no estádio do Pacaembu, em São Paulo, no domingo.

O time santista, terceiro colocado com 24 pontos, já foi derrotado por Cruzeiro e Sport dentro da Vila Belmiro e empatou com a Ponte Preta no Pacaembu nesta edição do Brasileirão, resultados que colocaram o elenco e a comissão técnica em alerta na luta para alcançar o Corinthians, líder do campeonato com 36.

O volante Yuri, autor de um dos gols na vitória por 3 a 0 do Santos sobre a Chapecoense no ultimo encontro entre os clubes, em julho do ano passado, na Vila Belmiro - e que está à disposição do treinador Levir Culpi para o confronto -, entende que é preciso conseguir um imprimir um jogo de alta intensidade para vencer o adversário e diminuir a vantagem do rival alvinegro na ponta da tabela de classificação.

"Como jogaremos em casa, temos que buscar o jogo, impor nossa intensidade. Temos que aproveitar a Vila e a torcida em nosso favor para conquistar mais três pontos. A gente vem em uma sequência boa e, agora, temos dois jogos em casa. Temos que usar isso ao nosso favor. Vamos buscar duas vitórias para colar na liderança", projetou Yuri, em entrevista ao site oficial do clube nesta terça-feira.

Além de algumas ausências já antigas, como as do atacante Ricardo Oliveira e do lateral-esquerdo Zeca - ambos participaram do rachão desta terça-feira no CT Rei Pelé, em Santos, mas ainda não estão aptos para voltar -, o lateral-direito Daniel Guedes, expulso no empate em 0 a 0 diante do Vasco, na rodada passada, no Rio, também é desfalque certo. No lugar de dele - que já substituía o titular Victor Ferraz, lesionado -, Levir Culpi deverá escalar Matheus Ribeiro.

O atacante Bruno Henrique, também suspenso, é outro que não enfrentará a equipe catarinense. Thiago Ribeiro segue como opção para a vaga e deverá compor o ataque santista junto com o colombiano Copete e Kayke.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.