José Patrício/AE - 17/8/2011
José Patrício/AE - 17/8/2011

Santos comemora departamento médico mais vazio

Muricy Ramalho terá o retorno de pelo menos quatro jogadores no clássico contra o Corinthians

Sanches Filho, Agência Estado

12 de setembro de 2011 | 18h21

O técnico do Santos,  Muricy Ramalho, terá a volta de pelo menos quatro jogadores de confiança no clássico contra o Corinthians, domingo, no Pacaembu: Danilo e Adriano, que cumpriram suspensão pelo terceiro cartão amarelo diante do Cruzeiro, e Ibson e Pará, recuperados de lesões e que serão recondicionados fisicamente durante a semana. Até Arouca poderá retornar se for liberado pelos médicos após a reavaliação de terça-feira pela manhã e iniciar o trabalho físico no campo.

Arouca sofreu lesão de grau dois no músculo posterior da coxa esquerda na vitória contra o Fluminense, na Vila Belmiro, dia 24 do mês passado. O volante se queixou de dores musculares e os primeiros exames mostraram apenas um edema, mas como o incômodo persistia, ele foi submetido a uma nova ressonância magnética que detectou a sua quarta lesão muscular no ano.

Aos poucos, o departamento médico santista vai ficando vazio. Se Arouca estiver recuperado, apenas Ganso e Elano, dos titulares, vão continuar em tratamento. Ambos se recuperam de lesão muscular. Quem mais preocupa é Ganso, que se machucou nos primeiros minutos amistoso da seleção brasileira contra Gana, em Londres, segunda-feira da semana passada. A pedido de Muricy, os médicos do Santos não estabeleceram prazo para a volta do craque aos treinos, mas ele deverá ficar fora de quatro a seis semanas.

Para Muricy Ramalho a semana livre vai permitir que os titulares mais desgastados fisicamente, em razão da sequência de jogos, se recuperem. A maior preocupação do treinador é com Neymar que não teve férias no ano passado em razão da preparação da seleção brasileira sub-20 para o sul-americano da categoria. Pelo Santos, o atacante disputou 35 jogos, 17 menos que o goleiro Rafael, o que mais atuou, mas disputou o Sul-Americano Sub-20, a Copa América e esteve presente em todas as convocações de Mano Menezes.

Após a vitória contra o Cruzeiro, sábado à noite, na Vila Belmiro, os jogadores receberam folga de dois dias e retornam às atividades terça às 10h, no CT Rei Pelé.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.