Santos dará prioridade a novatos

Com o adiamento da reapresentação dos jogadores para o dia 18, o Santos ganha tempo, com o que pretende economizar com a inatividade e, ao mesmo tempo, evitar a proximidade dos atletas, que desejam receber os direitos de imagem que estão alguns meses atrasados.Enquanto as atividades não são retomadas, a reformulação do elenco do Santos começa a tomar forma: o novo time deve contar com alguns jogadores experientes e, principalmente, com os jovens atletas que já estão na Vila Belmiro.Geninho está pedindo a contratação de um zagueiro, de um meia e de um atacante. Eles podem vir do Palmeiras e o clube demonstrou interesse em Claudecir, Jackson, Tuta e Gilmar. A moeda de troca - já que não há mesmo dinheiro - pode ser Robert, o jogador de maior destaque no time atualmente. Por conta dos problemas financeiros, o treinador já pediu a volta do zagueiro Waldir, que disputou o Paulista pela Portuguesa Santista e está emprestado ao Juventus. Alguns novatos serão lançados, como os atacantes André Dias e William; Canindé deverá ter nova oportunidade, enquanto Diego e Luizinho começarão a conviver com os profissionais.Do atual elenco, pouca gente ficará. Depende apenas de haver clubes interessados e os dirigentes chegarem a um acordo. Robert interessa ao Palmeiras, Léo ao futebol alemão e Claudiomiro poderá ser negociado com o Benfica. Caio e Rincón já foram embora e Dodô fica até o final do mês, quando terá seu passe liberado. Galván deverá voltar à Argentina e Rodrigão está emprestado ao Sport, podendo retornar se Geninho pedir.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.