Santos: Deivid volta e Diego chega

Agora é oficial: Deivid fica no Santos. A diretoria anunciou nesta segunda-feira que estão sendo atendidas as exigências do Bordeaux, da França. Para ficar com o centroavante, o clube vai pagar 4,5 milhões de euros à vista. O único risco de ocorrer uma reviravolta nas negociações é se o Bordeaux, cansado esperar, ter mudado de idéia e pedir mais pelo jogador. O procurador de Deivid, Jorge Moraes, foi encarregado de entrar em contato com os franceses e, em caso de uma resposta positiva, o Santos deposita o valor combinado. Se isso acontecer, o jogador assina novo contrato, reinicia os treinamentos até quarta-feira e joga contra o Cruzeiro, domingo, no Estádio do Mineirão.As negociações para manter Deivid na Vila Belmiro começaram antes do encerramento do empréstimo do jogador, no dia 30 de junho, e se arrastam há mais de um mês. O primeiro pedido do Bordeaux para liberar o atacante foi de 6 milhões de euros. O Santos tentou prorrogar o empréstimo e diante da recusa dos franceses, ofereceu 2 milhões de euros por 50% da multa contratual do jogador. Nova recusa. O vice-presidente Norberto Moreira da Silva viajou para a França e tentou acertar a negociação por 4 milhões de euros, mas voltou de mãos abanando, depois de uma semana de negociações.Até o início da noite de domingo, Deivid era considerado ex-jogador do Santos. Porém, por insistência de Gallo, o clube resolveu chegou ao valor exigido pelo Bordeaux, mas faltava acertar a forma de pagamento. Nesta segunda-feira Teixeira resolveu investir mais alto para ficar com Deivid, graças ao garoto Leonardo, que estava na Seleção Brasileira sub-20 no Mundial da categoria, e foi vendido para um clube holandês (o nome ainda não foi revelado) por 2,5 milhões de euros, dos quais, 1,3 milhão ficarão com o Santos. O Santos não contava com esse dinheiro e nem considerava Leonardo titular, tanto que está procurando um jogador de nível de seleção para a posição.No treino - Já Diego, atacante de 20 anos formado no Internacional, chegou nesta segunda à Vila Belmiro, fez exames médicos e à tarde participou da sessão de hidroginástica com o elenco numa academia de Santos. "Para o jogo contra o Vasco, quarta-feira, Diego ainda não terá condições, mas para a partida com o Cruzeiro, domingo, em Minas, espero contar com ele", disse o técnico Gallo.O técnico ainda não decidiu quem será o substituto de Douglas, que sofreu estiramento no músculo posterior da coxa direita, para formar a dupla de ataque com Basílio. Geílson, Danilo e Luciano Henrique são os candidatos à vaga. Como Ávalos foi expulso diante do São Paulo, a dupla de zaga para enfrentar o Vasco será formada por Altair e Halisson.O goleiro Roger, reserva de Rogério Ceni, no São Paulo, era outro jogador esperado nesta segunda à tarde, no Centro de Treinamentos Rei Pelé. De acordo com uma fonte do clube, ele teria uma reunião com os dirigentes do clube da capital para pedir que a sua transferência para o Santos fosse facilitada, mas no final da tarde chegou a notícia de que o encontro foi adiado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.