Santos deve anunciar Roth no lugar de Cabralzinho

O presidente do Santos, Marcelo Teixeira, dispensou nesta quinta-feira o técnico Cabralzinho e acertou a contratação de Celso Roth. O anúncio oficial do acerto com o ex-treinador do Palmeiras deverá ser feito nesta sexta-feira. Celso Roth está passando férias com a família em Florianópolis e não quis confirmar o acordo para não passar a imagem de que teria negociado com um outro treinador ainda empregado no clube. O contrato de Cabralzinho termina na próxima segunda-feira e já estava decidido pela diretoria santista que não seria renovado.Celso Roth elogiou o elenco do Santos. Ele disse que "se a base for mantida" as perspectivas são positivas para a temporada 2002. "O time fez uma boa campanha no Brasileiro e deixou escapar a classificação e o título por detalhes. É um bom começo, mas o Santos tem de se reforçar, pensar em conquistas", disse Roth, que tem outro ponto a seu favor. Em 1997, trabalhou com o supervisor João Paulo Medina no Internacional, de Porto Alegre.O técnico pediu informações sobre a situação de Marcelinho Carioca. A assessoria do jogador não confirmou a renovação de contrato por cinco meses. O procurador do meia, James Arruda, informou que o compromisso "vai até o dia 31 de dezembro."Antes de se decidir por Celso Roth, representantes do Santos mantiveram contato com oito treinadores. Entre os nomes cogitados estavam os de Vanderlei Luxemburgo, Oswaldo de Oliveira, Oswaldo Alvarez e Levir Culpi. À exceção de Luxemburgo - que não aceitaria voltar a trabalhar com Marcelinho Carioca e enfrentava resistência por parte de conselheiros -, o único treinador não empregado era Celso Roth.As férias dos jogadores terminam terça-feira. No dia seguinte, serão apresentados ao novo treinador. O gerente de Futebol Ilton José da Costa confirmou o interesse pelo centroavante Adhemar. O jogador, que tem contrato com o Stuttgart, da Alemanha, já informou que não pretende retornar agora ao Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.