Santos divulga esquema para clássico

Depois de muita expectativa, o Santos divulgou nesta sexta-feira a carga de ingressos para o clássico contra o Corinthians, que será realizado na próxima quinta-feira, às 20h30. Dos 20 mil bilhetes, os donos da casa terão direito a 18 mil. Terão prioridade os torcedores que tiverem o comprovante da primeira partida. O presidente do Santos, Marcelo Teixeira, admitiu que tem medo da realização do jogo com ?portões abertos?.Em entrevista concedida nesta sexta, Teixeira deixou transparecer que a segurança do jogo o deixa muito preocupado, já que a responsabilidade da distribuição e da segurança dos torcedores é do mandante. ?Isso sinceramente nos dá medo. Esperamos que todos se conscientizem e evitem o pior. O fluxo deve ser bem controlado?, observou.Segundo o coronel Cláudio Trovão, da Polícia Militar, a segurança para o clássico será como de uma final de campeonato. ?É um jogo encarado como de risco para nós e o contingente policial será especial para este dia?, antecipou.Para reprimir a ação de cambistas, a Polícia Militar alertou que só poderão ser retirados dois ingressos por pessoa. ?Só entra quem tiver o ingresso em mãos. Teremos um cordão de policiais em oito pontos diferentes ao redor do estádio. Por ali só passa quem estiver com o convite em mãos?, esclareceu o coronel.A preferência será dos torcedores que estiveram na Vila no jogo disputado em 31 de julho ? devem comparecer ao estádio neste sábado e domingo, das 9h às 18h. Os corintianos devem procurar ingressos apenas no portão 21. Os santistas poderão fazer a retirada nos portões sete e oito.Na segunda e terça-feiras, também das 9h às 18h, serão distribuídos ingressos aos demais torcedores, nos guichês já mencionados. Na quarta-feira e no dia do jogo as bilheterias não vão funcionar.O presidente santista fez um alerta aos torcedores: ?Pedimos que os torcedores se conscientizem e se dirijam exclusivamente ao local onde deve recolher o seu convite. Se for corintiano, vá ao portão 21. Se pegar convite na bilheteria do santista, terá que ficar junto com a nossa torcida.? O esquema de segurança da PM contará com 350 agentes dentro e fora do estádio. Além disso, outras 250 pessoas contratadas pelo Santos prestarão serviços de orientação e limpeza aos torcedores. A Polícia Rodoviária também estará envolvida na ação, que visa a impedir que qualquer ônibus da torcida corintiana que chegue à Vila com torcedores sem ingresso se aproxime do estádio. ?Haverá um bloqueio logo no início da Imigrantes. Por ali só passarão ônibus com torcedores que estejam com o ingresso. Haverá revista total?, concluiu o coronel.

Agencia Estado,

07 de outubro de 2005 | 19h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.