Santos e Portuguesa se classificam na Copa São Paulo

Time da Vila derrota o Pão de Açúcar por 1 a 0; equipe lusitana passa pelo Botafogo por 3 a 0

AE, Agencia Estado

17 de janeiro de 2010 | 18h53

Foi difícil, mas mesmo assim o Santos conseguiu carimbar a sua passagem para as quartas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Jogando na cidade de Rio Claro contra o Pão de Açúcar, neste domingo, teve de se esforçar muito para garantir a vitória por 1 a 0, com um gol de Alan Patrick no final da partida.

 

Veja também:

linkCruzeiro elimina Inter de Limeira e avança na competição

Com o resultado, o Santos irá enfrentar o Paulista. O time de Jundiaí garantiu a sua vaga no sábado ao vencer o Barueri por 4 a 2. "Agora precisamos descansar, pois temos a partida das quartas de final", afirmou o herói santista. A Federação Paulista de Futebol deve divulgar nesta segunda-feira as datas e locais dos confrontos da próxima fase do torneio.

O primeiro tempo foi movimentado, mas o Pão de Açúcar esteve melhor, criando mais chances do que o Santos. Na etapa final, o time da Baixada Santista equilibrou a partida e, no final, Alan Patrick invadiu a área, driblou um marcador e colocou a bola no canto do goleiro, garantindo a classificação. "Na hora que eu fintei o adversário, olhei para o goleiro e só tirei a bola dele. Foi um belo gol", disse.

O jogador estava realizado após mais um gol com a camisa do Santos. Ainda mais porque foi marcado aos 42 minutos do segundo tempo. "Só tenho que dedicar a Deus esse gol. Nosso time se empenhou até o final e enquanto não acaba a partida, não pode desistir. Fomos felizes e está todo mundo de parabéns", explicou Alan Patrick.

Em cinco partidas disputadas, o Santos venceu quatro. Seu único tropeço foi contra o Rio Claro, quando perdeu por 3 a 2, ainda na primeira fase. Mas ganhou do Comercial (MS), ABC e Goiás, além do Pão de Açúcar. Fez 14 gols e sofreu seis. Seu adversário nas quartas, o Paulista, tem uma campanha parecida: cinco jogos, quatro vitórias e um empate. A diferença principal é que o time de Jundiaí já anotou 23 gols e sofreu apenas cinco.

Ainda neste domingo, a Portuguesa levou a melhor sobre o Botafogo, no estádio Nicolau Alayon, em São Paulo. A equipe paulista fez 3 a 0 com muita facilidade. A Lusa não deu a menor chance para o time carioca. Logo aos 2 minutos, Gaúcho fez um gol relâmpago e colocou o clube do Canindé em vantagem. Aos 46, Guilherme fez mais um. E nos descontos da etapa final, num contra-ataque, Yago fechou o placar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.