Divulgação
Divulgação

Santos enfrenta o cansaço e o Gama pela Copa do Brasil

Alvinegro precisa da vitória para avançar de fase

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

27 de julho de 2016 | 07h01

O Santos terá um adversário extra nesta quarta-feira, na partida contra o Gama, às 21h45, na Vila Belmiro, em jogo válido pela terceira fase da Copa do Brasil. O cansaço é algo que parece preocupar mais o técnico Dorival Júnior do que o time de Brasília, embora o resultado do primeiro jogo não tenha sido dos mais favoráveis: empate sem gols no estádio Bezerrão.

O resultado faz com que o Santos tenha que vencer a partida ou empatar por 0 a 0 e passar nos pênaltis. Para o time de Brasília, um empate com gols já é o suficiente para a classificação.

O técnico Dorival Júnior revelou que os jogadores alegaram muito cansaço após o jogo com o Vitória, na última rodada do Brasileiro, por isso, pode poupar alguns atletas.

 

“Vamos ver os que estarão em condições de jogar. Muita gente saiu reclamando depois da partida (contra o Vitória). Não sei em que situação encontraremos a equipe. Precisamos ver os exames. Por isso que deixei muitos jogadores preparados para esse difícil compromisso”, explicou o treinador, que já não contará com os jogadores que estão na seleção brasileira olímpica, casos de Zeca, Thiago Motta e Gabriel e na terça-feira perdeu mais um jogador.

O meia Lucas Lima, com edema muscular na coxa esquerda, está fora por tempo indeterminado, segundo o médico do clube, Rogério Zogaib. “Ele vinha sentindo um desconforto bem leve e nos últimos dois jogos, devido à alta intensidade das partidas, sentiu um pouco mais e achou-se mais prudente que ele não terminasse a partida contra o Vitória. Com o exame que que foi feito, visualizamos o edema na região posterior da coxa esquerda. O tratamento será conservador, através de repouso e fisioterapia. Numa segunda fase, ele inicia o trabalho de transição e depois retorna ao grupo em condições normais”, disse o médico.

Outro desfalque é Jean Mota, que já disputou a Copa do Brasil pelo Fortaleza. E o atacante Paulinho também está fora, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com tantos desfalques, Dorival relacionou o meia Matheus Oliveira, da equipe sub-20, e o garoto ficará pela primeira vez no banco de reservas. Embora tenha afirmado que o elenco está cansado e que poderia poupar alguns jogadores, a tendência é que Dorival acabe escalando o que tem de melhor. Vecchio será o escolhido para o lugar de Lucas Lima.

FICHA TÉCNICA

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju; Renato, Léo Cittadini e Vecchio; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.

Técnico: Dorival Júnior

GAMA: Maringá; Dudu Gago, Pedrão, Murilo e Felipe Assis; Eduardo, David, Michel e Ítalo; Marlon e Raone

Técnico: Reinaldo Gueldini

JUIZ: Diego Pombo Lopez (BA)

HORA: 21h45

LOCAL: Vila Belmiro, em Santos

 

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
Santos FCFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.