Ivan Storti|Santos FC
Ivan Storti|Santos FC

Santos enfrenta o Vitória para manter perseguição ao Corinthians

Alvinegro pode diminuir diferença em relação ao líder para sete pontos, caso vença os baianos no Pacaembu

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

16 Outubro 2017 | 07h00

Sem poder contar com o seu artilheiro em 2017, o atacante Bruno Henrique, o Santos entra em campo para encarar o Vitória no Pacaembu, nesta segunda-feira, às 20h, tentando confirmar a consistência que o deixa perto do objetivo de se classificar à próxima edição da Libertadores e o permite até sonhar com o título nacional.

+ TABELA - Classificação do Brasileirão

Ainda que sem apresentar um futebol vistoso, o Santos perdeu apenas duas das últimas 22 partidas, uma delas com o time reserva para o Botafogo, e a outra a mais dolorosa derrota da temporada, para o Barcelona de Guayaquil, o que provocou a eliminação da nas quartas de final da Libertadores.

O duro revés, porém, não fez o Santos sair dos trilhos. O time se recuperou imediatamente e somou sete pontos nas últimas três rodadas do Brasileirão, exibindo segurança defensiva, com apenas um gol sofrido. E essa será uma das apostas da equipe para superar o Vitória.

O time, porém, continua sem Victor Ferraz e Renato, lesionados. Além disso, o setor ofensivo estará desfalcado de seu principal nome. Autor de 15 gols no ano, Bruno Henrique foi vetado por causa de dores na panturrilha esquerda.

Levir Culpi não indicou quem vai assumir a vaga, mas Arthur Gomes, ainda que pouco aproveitado pelo treinador, é o favorito, pois possui estilo parecido ao do titular, com velocidade e dribles. Mas, ele também poderá escalar Jean Mota mais avançado ou utilizar o colombiano Vladimir Hernández ou até Kayke.

Neste domingo, o Santos usou as redes sociais para convocar a torcida a lotar o Pacaembu. O zagueiro David Braz, por exemplo, posou segurando uma placa com a frase “tamo na briga”. Ricardo Oliveira também mostrou otimismo: “Eu acredito”, afirmou o atacante.

FICHA TÉCNICA

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Matheus Jesus e Lucas Lima; Copete, Ricardo Oliveira e Arthur Gomes (Jean Mota). Técnico: Levir Culpi.

VITÓRIA: Fernando Miguel (Caíque); Caique Sá, Wallace, Ramon e Juninho; Uillian Correia, Fillipe Soutto e Yago; David, Neilton e Tréllez. Técnico: Vagner Mancini.

Juiz: Bráulio da Silva Machado (SC).

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP).

Horário: 20h.

Transmissão: Pay-per-view.

Ao vivo: estadao.com.br/e/santosvivo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.