Clayton de Souza/AE
Clayton de Souza/AE

Santos estreia com vitória sobre Rio Branco por 4 a 0

Paulo Henrique e Neymar marcam dois cada e dão show no Pacaembu; Giovanni fez sua reestreia

André Rigue, estadao.com.br

17 de janeiro de 2010 | 21h17

Os garotos do Santos deram show no Pacaembu na estreia no Campeonato Paulista. Com facilidade, o clube bateu o Rio Branco por 4 a 0, e terminou a primeira rodada na segunda colocação. A partida teve mando de campo do time de Americana, que decidiu realizar o duelo em São Paulo para arrecadar mais dinheiro com bilheteria.

 

Veja também:

linkSantistas destacam atuação perfeita

especial QUIZ - Você sabe tudo sobre o Paulistão?

lista RESULTADOS / tabelaCLASSIFICAÇÃO

som Ouça os gols na Rádio Eldorado/ESPN

 

A partida marcou a estreia oficial do técnico Dorival Júnior, além dos zagueiros Bruno Rodrigo e Bruno Aguiar. O ataque foi formado pelos garotos André e Neymar no primeiro tempo, e a armação no meio-campo ficou com Paulo Henrique Lima e Wesley. O veterano Giovanni, de 37 anos, só entrou na etapa final.

 

O Santos não teve problemas para encontrar o primeiro gol. Logo aos 2 minutos do primeiro tempo, Paulo Henrique acertou uma bomba de fora da área, sem chances de defesa para o goleiro Cristiano - o gol início deu mais confiança para os jovens, que acabaram com a defesa do Rio Branco com um rápido toque de bola.

 

O segundo gol chegou ainda na etapa inicial. Aos 19 minutos, André tocou pela direita para Paulo Henrique. O meia avançou

Rio Branco0
Cristiano; Marcos Tamandaré, Kléber    , Vinicius     e Márcio Goiano (Marinho); Everton    , Márcio Passos, Felipe (Alex Mineiro) e Flávio; Romarinho (Ricardinho) e Anselmo
Técnico: Ademir Fonseca
Santos4
Felipe; Gerge Lucas, Bruno Rodrigo, Bruno Aguiar e Pará (Mádson); Rodrigo Mancha, Roberto Brum (Breitner), Wesley e Paulo Henrique Lima    ; André (Giovanni) e Neymar
Técnico: Dorival Júnior
Gols: Paulo Henrique Lima, aos 2, e Neymar, aos 19 minutos do 1.º tempo; Paulo Henrique Lima, aos 20, e Neymar, aos 46 minutos do 2.º tempo

Árbitro: Marcelo Rogério

Renda: 13.448 pessoas no total

Público: R$ 329.350,00

Estádio: Pacaembu, em São Paulo

na área e tocou para trás para Neymar. O jovem chutou forte e colocou a bola no ângulo esquerdo do goleiro do Rio Branco.

 

Além da vantagem de dois gols, o Santos foi beneficiado pela expulsão do zagueiro Kléber no começo do segundo tempo. Com isso, Dorival Júnior decidiu colocar Giovanni aos 15 minutos. A torcida santista se empolgou com a entrada do "Messias" e passou a gritar "Giovanni vem aí e o bicho vai pegar."

 

Os santitas não se decepcionaram. Aos 20 minutos, Giovanni girou o corpo e levou a marcação. Com um belo passe, ele encontrou Paulo Henrique na área. O meia dominou, passou por um zagueiro e soltou a bomba para o fundo das redes - com dois gols, Paulo Henrique foi o melhor homem em campo.

 

O Santos fechou a goleada com uma pintura. Aos 46 minutos, Neymar fez bela jogada individual e cruzou para a área. A bola ganhou uma curva espetacular e entrou no gol. "Eu joguei a bola na área e ela acabou entrando. Eu iria cruzar no Giovanni, mas felizmente fiz meu segundo gol", explicou o atacante.

 

Empolgado pela vitória, o Santos agora voltará a campo na próxima quarta-feira, às 19h30, para enfrentar a Ponte Preta na Vila Belmiro. O time de Campinas empatou em sua estreia contra o Santo André por 1 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.