Santos faz contas para ir à Libertadores

Depois de duas vitórias seguidas, o Santos reencontrou a paz. Se já não aspira mais o título Brasileiro, os seis pontos conquistados dão novo ânimo para a briga por uma vaga na Libertadores da América, o principal objetivo do grupo. "Vencer o Vasco foi muito importante para a gente e nos colocou mais diretamente na disputa da vaga para a Libertadores", disse o técnico Nelsinho Baptista, que define amanhã o time que enfrentará domingo o Cruzeiro, no Parque Antartica. Uma das razões do sucesso está no acerto que o treinador promoveu, melhorando a marcação, determinando maior ofensividade dos laterais e fez uma intervenção no ataque para dar maior velocidade à equipe, recorrendo ao veterano Basílio, que tem formado a dupla com o novato Geílson. Para isso, está sacrificando os dois atacantes experientes que foram contratados para resolver o problema da saída de Robinho e de Deivid no meio do ano. Luizão já estava no banco quando pegou a suspensão de cinco jogos (um pelo terceiro cartão amarelo e quatro pela expulsão no clássico contra o Corinthians), enquanto Cláudio Pitbull faz um trabalho para a recuperação técnica e continua na reserva. Duas partidas atrás, o clube fez as contas e concluiu que ficaria com a vaga para a Libertadores se conseguisse vencer seis das oito partidas que restavam, conquistando assim 60% dos pontos a disputar. Vencendo o São Paulo e o Vasco em jogos fora de casa, somou mais seis pontos e agora precisa ganhar quatro dos oitos jogos, caindo o percentual para 50%. Animado com essa situação, o técnico conta com o novo ânimo dos jogadores para continuar vencendo as partidas que tem pela frente."Fazemos a conta regressiva, mas sempre pensando no presente. Essas duas já passaram, ganhamos de dois grandes clubes e agora é pensar no jogo contra o Cruzeiro" Nelsinho considera que o time ainda não atingiu o ponto ideal, mas fez elogio ao que viu em campo principalmente nas duas últimas partidas. "Estamos melhorando e o importante é que na equipe teve uma atitude dentro de campo, uma aplicação tática, e é o que desejamos". Para o jogo contra o Cruzeiro, que será disputado domingo no Parque Antartica com os portões fechados por conta da interdição da Vila Belmiro por três partidas, a única dúvida de Nelsinho Baptista é a volta do zagueiro Ávalos, ainda em recuperação de contusão. O treinador espera que Luís Alberto, que voltou a sentir dor na coxa no jogo contra o Vasco, seja liberado para a partida. "Ele vai ser avaliado e vamos aguardar". O advogado Mário Mello entrou hoje com recurso no STJD contra a decisão de seu presidente, Luiz Sveiter, que não concedeu efeito suspensivo para as suspensões de Luizão e Giovanni, entendendo que a pena tem de ser suspensa até o julgamento da medida recursal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.