Santos goleia o América e lidera isoladamente o Paulistão

O Santos quase se complicou, mas goleou o América por 4 a 1, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, e conseguiu se isolar na liderança do Campeonato Paulista. Com 22 pontos, o time da Baixada Santista abriu três de vantagem para o vice São Caetano. No jogo válido pela sétima rodada - adiado por causa do jogo pela Libertadores contra o Blooming, na semana passada -, os gols santistas foram de Marcos Aurélio (duas vezes), Pedro e de Cléber Santana, agora artilheiro isolado com oito gols.Com a vitória, o Santos manteve uma longa invencibilidade na Vila Belmiro em jogos do Paulistão. Sem perder há quase quatro anos - derrota para o São Paulo por 2 a 1 -, o time santista completou 29 partidas de resultados positivos em casa. Agora são 24 vitórias e apenas cinco empates neste período. Nesta temporada, é a quarta vitória consecutiva na Vila - as outras foram contra São Caetano, Sertãozinho e Guaratinguetá.Com dificuldade para sair jogando no início do jogo, o Santos teve que recorrer aos toques rápidos para chegar ao ataque. Numa jogada pela esquerda, logo aos 16 minutos, o volante Willians foi expulso e a equipe santista teve mais espaços para jogar. Prova disso foi o primeiro gol, de Cléber Santana, aos 34, que recebeu livre na entrada da área e chutou forte no ângulo de André Zuba.O que o time da casa não esperava foi tomar o gol de empate no último minuto do primeiro tempo. Num lance polêmico, Adaílton tocou com a mão na bola e o árbitro Anselmo da Costa marcou o pênalti, convertido por Márcio Barros. Sobrou reclamação dos santistas, principalmente do técnico Vanderlei Luxemburgo.Na segunda etapa, o América começou na retranca, mas foi surpreendido com o belo gol de fora da área do lateral-direito Pedro, logo aos cinco minutos. Em desvantagem, a equipe de Rio Preto teve que sair mais para o ataque e deu espaço para os contra-ataques do Santos, que marcou mais duas vezes com o atacante Marcos Aurélio.Ficha técnicaSantos 4 x 1 AméricaSantos - Fábio Costa; Pedro (Rodrigo Tabata), Adaílton, Antonio Carlos (Pedrinho) e Kleber; Maldonado, Rodrigo Souto, Cléber Santana e Zé Roberto; Marcos Aurélio e Rodrigo Tiuí (Jonas). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.América - André Zuba; Eduardo Luiz, Sanabria e Frede; Jamur, Doriva, Junior (Felipe Oliveira), Willians e Adriano Peixe; Pedro (Luís Henrique) e Márcio Barros (Du). Técnico: Márcio Bittencourt.Gols - Cléber Santana, aos 34, e Márcio Barros (pênalti), aos 47 minutos do primeiro tempo; Pedro, aos cinco, e Marcos Aurélio, aos oito e aos 28 minutos do segundo tempo. Cartões amarelos - Pedrinho, Fábio Costa, Kleber e Antonio Carlos (Santos); Eduardo Luiz (América). Cartão vermelho - Willians (América). Árbitro - Anselmo da Costa. Renda - não disponível. Público - 5.283 pagantes. Local - Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.