Santos já pensa no Brasileiro

Classificado para as oitavas-de-final e com chances de ser o primeiro do Grupo 3 da Copa Libertadores da América, mesmo que não vença os seus dois jogos restantes da primeira fase, o Santos vai aproveitar a partida com o 12 de Outubro, do Paraguai, terça-feira à noite, em Ciudad del Leste, para se preparar visando a estréia no Campeonato Brasileiro, domingo da próxima semana, às 18h, contra o Paraná Clube, na Vila Belmiro. "Isso não quer dizer que não vamos jogar para vencer", avisa o técnico. "Apenas pretendo fazer algumas mudanças no transcurso do jogo para exercitar os reservas. Mas, só depois de conseguirmos o resultado." A boa atuação de Michel na vitória por 3 a 0 diante do América, de Cali, quarta-feira à noite, criando a jogada do primeiro gol e participando do terceiro, deixou Leão aliviado. Desde a saída de Maurinho, que deixou a Vila Belmiro para ganhar mais no Cruzeiro, o técnico ainda não havia conseguido encontrar um substituto à altura. "Nos últimos tempos, já vinha ouvindo sugestões de dirigentes para contratarmos um novo jogador para a posição em razão da dificuldade de Reginaldo Araújo para se adaptar. Preferi esperar e Michel, com o bom futebol que mostrou na quarta-feira, provou que eu fiz bem porque ele voltou a jogar como nas finais do Campeonato Brasileiro e antes de sofrer o grave entorse no começo do ano." A delegação retorna amanhã cedo de Uberaba, onde fez um amistoso ontem (sexta) à noite. Os jogadores folgam amanhã e domingo e retornam segunda-feira às 8h para fazerem o único treino antes de enfrentar o 12 de Outubro. Às 10h30, o time sai do Centro de Treinamentos Rei Pelé e às 13h embarca, no Aeroporto de Guarulhos, para Foz do Iguaçu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.