Site oficial/Santos FC
Site oficial/Santos FC

Santos oficializa saídas de Elano e Marcelo Fernandes da comissão técnica

Alvinegro dispensa os dois auxiliares com a chegada de Jair Ventura como técnico

Estadão Conteúdo

03 Janeiro 2018 | 12h10

No dia da reapresentação do elenco após o período de férias, a diretoria do Santos oficializou mudanças na comissão técnica da equipe. A equipe confirmou nesta quarta-feira que os ex-jogadores Elano e Marcelo Fernandes não fazem mais parte da relação de auxiliares do time.

+ Derrotado na eleição, Andrés Rueda vai compor o Comitê de Gestão do Santos

+ Santos inicia busca pelo tetra da Copa São Paulo com vitória sobre o América-RN

As saídas de Elano e Marcelo Fernandes vinham sendo dadas como certas há alguns dias, mas o clube assegurou que elas só foram formalizadas após reunião com ambos, ex-jogadores do Santos.

"O Santos esclarece que Elano e Marcelo Fernandes não fazem mais parte da comissão técnica do Clube. Os profissionais foram pessoalmente comunicados em reunião privada, como suas histórias no Clube exigem", afirmou o clube através de um comunicado oficial. "O Santos agradece os serviços prestados por Elano e Marcelo Fernandes e deseja aos profissionais sucesso na continuidade de suas carreiras", acrescentou.

Para as saídas de Elano e Marcelo Fernandes do Santos, pesou a mudança de técnico no clube - a diretoria acertou a contratação de Jair Ventura, que teve a sua chegada oficializada nesta quarta-feira. E ele deverá chegar ao time acompanhado pelo auxiliar técnico Emílio Faro e pelo preparador físico Ednilson Sena.

Elano possui grande identificação com o Santos, time pelo qual teve três passagens como jogador, de 2001 a 2005, entre 2011 e 2012 e de 2015 a 2016. No total, foram 322 partidas disputadas, com 68 gols marcados, com a conquista de diversos títulos, como as edições de 2002 e 2004 do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores de 2011.

Auxiliar técnico, Elano dirigiu o Santos em nove jogos, incluindo compromissos da reta final do Brasileirão de 2017, após a queda de Levir Culpi, quando, inclusive, chegou a manifestar o desejo de permanecer à frente do time.

Também ex-jogador do Santos, Marcelo Fernandes entrou em campo 83 vezes pelo time entre 1991 e 1995. Ele dirigiu a equipe em 28 jogos, sendo o comandante na conquista do Campeonato Paulista de 2015.

Mais conteúdo sobre:
Elano Santos Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.