Santos perde pênalti e empata no Rio

Um pênalti perdido e o Santos desperdiçou uma grande chance de conquistar uma vitória fora de casa. O time de Celso Roth saiu do Maracanã com apenas um empate no jogo contra o Fluminense, 1 a 1, hoje no Maracanã, pelo Torneio Rio-São Paulo. Roger abriu o placar no primeiro tempo para o time carioca e André Luís empatou no segundo. Lentas em campo, as duas equipes protagonizaram um primeiro tempo entediante e equilibrado. Na única jogada de maior emoção, Magno Alves sofreu falta fora da área. Aos 18 minutos, Roger cobrou com efeito, enganando o goleiro Fábio Costa e marcando o gol do Fluminense na partida. Daí para frente, somente uma série de cartões amarelos. A situação só voltaria a melhorar aos 45 minutos, quando Marcelo Silva cabeceou para fora e desperdiçou uma chance para o Santos. No segundo tempo, o jogo ganhou maior velocidade, porém a qualidade do futebol não passou de regular. Aos 12 minutos, André Luís, ex-jogador do Fluminense, cumpriu sua promessa de antes da partida. Cobrou falta também fora da pequena área, a barreira do time carioca vacilou, a bola passou pelo meio dos jogadores e enganou Murilo, que já estava caído em canto direito, 1 a 1. A partir do segundo gol, o jogo ganhou um pouco de emoção. Aos 19 minutos André Luís acertou uma bola na trave. Douglas tentou cabecear no rebote, mas a bola foi para fora. Aos 38 minutos, Murilo tenta defender uma bola mas acaba cometendo pênalti em Oséas. André Luís faz a cobrança, mas chuta sobre o gol fluminense.

Agencia Estado,

16 Março 2002 | 18h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.