Santos sai na frente, mas só empata com o Paulista

Fábio Costa é o destaque do time de Leão no empate por 1 a 1; equipe segue na zona de rebaixamento

03 de fevereiro de 2008 | 20h16

E o Santos segue com apenas uma vitória do Campeonato Paulista. Apesar de sair na frente, o time de Emerson Leão não conseguiu segurar o resultado e acabou empatando por 1 a 1 com o Paulista, neste domingo, no Jaime Cintra, em Jundiaí, pela sexta rodada do Estadual.   Veja também:  Classificação  Resultados e próximos jogos Leão diz que Santos é um time esforçado  Alemão comemora gol e Betão pede calma à torcida  Guaratinguetá vence Guarani e é o novo líder do Paulistão   O resultado manteve o Santos na zona do rebaixamento, com apenas cinco pontos, na 18.ª posição, logo à frente do próprio Paulista, que tem quatro pontos.   De volta ao time depois de se desentender com a direção santista, o goleiro Fabio Costa foi o destaque da equipe, principalmente no segundo tempo, salvando o Santos em pelo menos três momentos. "Não tenho que falar nada. Só tenho que jogar bola", comentou o camisa 1 logo após a partida.   Na próxima rodada, o Santos recebe o Marilia, na Vila Belmiro, na quinta-feira. Na véspera, o Paulista enfrenta a Portuguesa, novamente no Jaime Cintra.   DOMÍNIO DO SANTOS DUROU POUCO O jogo começou com um breve domínio santista. Aos 26, o time perdeu duas chances seguidas de gol. A primeira,após cobrança de escanteio, que Adailton desviou de cabeça e Bruno Ribeiro tirou, com a mão, quase sobre a linha.   Na seqüência do lance, Thiago Carleto, estreando com a camisa do Santos, acertou um belo chute de fora da área e Adinam fez grande defesa.   PAULISTA 1 Adinam, Bruno Ribeiro, Dema    , Diego Padilha e Eduardo; Réver, Jairo, Ricardinho e Marco Aurélio (Devas); Marcelo Toscano (Julio Cesar) e Tiago Tremonte. Técnico: Giba SANTOS 1 Fábio Costa; Adaílton, Domingos     e Betão; Filipi, Rodrigo Souto, Marcinho Guerreiro e Luiz Henrique (Rodrigo Tabata) e Thiago Carleto; Tiago Luís (Moraes) e Alemão (Renatinho). Técnico: Emerson Leão Gols: Alemão, aos 33, e Thiago Tremonte, aos 37 minutos do primeiro tempo.Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza Renda: R$ 82.890,00Público: 5.720 pagantesEstádio: Jaime Cintra, em Jundiaí (SP)Com o gramado encharcado pela chuva forte que caia em Jundiaí, a alternativa era jogar pelo alto. E foi assim que o Santos fez 1 a 0, aos 33, no cruzamento de Rodrigo Souto, que encontrou Alemão livre na área para cabecear firme, no canto de Adinam, e marcar o seu primeiro gol.   A chuva forte acabou atrapalhando a zaga santista, que ficou parada no cruzamento de Marcelo Toscano, aos 37. A bola sobrou para Tiago Tremonte, que ajeitou e bateu na saída de Fábio Costa para empatar.   A partir do gol de empate do Paulista, o jogo ficou franco, com os times perdendo várias chances de gol. E o intervalo não serviu para mudar o panorama no segundo tempo, fazendo de Fábio Costa o principal jogador da partida.   Mesmo com 10 em campo nos minutos finais, após a tola expulsão de Domingos, o Santos esteve perto de vencer o jogo. Aos 43, Moraes recebeu livre, cara a cara com Adinam, mas bateu para fora. No entanto, erradamente, o árbitro já marcava impedimento no lance.

Tudo o que sabemos sobre:
Santos FCPaulistão A-1Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.