Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Santos se prepara para furar retranca

Furar a retranca armada pela Ponte Preta será o grande desafio do Santos, neste sábado, às 18 horas, na Vila Belmiro. E a vitória será fundamental para tentar alcançar o Atlético-PR na briga pela liderança do Brasileiro - a equipe paranaense tem 68 pontos, três a mais que o time de Vanderlei Luxemburgo.Para os santistas, a paciência será a melhor arma contra o esquema totalmente defensivo do adversário (3-6-1). "A Ponte Preta já tem uma característica de time marcador, era assim na época em que eu jogava lá. Teremos de ter paciência e tocar bem a bola. Somente com a habilidade dos nossos jogadores de frente poderemos furar esse bloqueio", afirmou o volante Fabinho."Esperamos uma retranca muito forte. Dificilmente um time que vem jogar na Vila não atua com três zagueiros. Mas se a Ponte Preta quiser atacar, nós estaremos preparados", revelou o lateral Léo.Os jogadores santistas sabem que não podem errar neste sábado. Um tropeço contra a Ponte pode atrapalhar, e muito, os planos do técnico Luxemburgo para retomar a liderança. "Toda atenção e concentração serão fundamentais", avisou Léo. "O nosso objetivo, além da vitória, é deixar toda a pressão para o lado do Atlético Paranaense, que no domingo vai enfrentar o Paraná. Em primeiro lugar temos de fazer o nosso dever de casa, que é vencer a Ponte. Aí sim, vamos torcer e ver o que o Paraná poderá aprontar contra o Atlético. Será um clássico, e tudo pode acontecer."Além de muita paciência para enfrentar uma Ponte Preta retrancada, os jogadores fazem um apelo à torcida: que evitem atirar objetos no campo. Por causa disso, o clube foi punido com a perda do mando de duas partidas - Fluminense e Goiás -, depois que um torcedor jogou um copo d?água no técnico Hélio dos Anjos, no jogo contra o Vitória, mês passado."Isso prejudicou o time e nos atrapalhou muito. Gostaríamos de jogar sempre na Vila, e essas coisas não podem acontecer mais", explicou Preto Casagrande, mantido no time titular. O volante Zé Elias, recuperado de contusão, deverá ficar apenas no banco.Elano, que retornou da seleção brasileira na quinta-feira e não participou dos últimos dois treinamentos do Santos por causa de dores no tornozelo, também está confirmado no time titular.A novidade estará na zaga. Mais uma vez, Luxemburgo aproveitará o jovem zagueiro Leonardo, de 18 anos. Segundo o técnico santista, ele foi muito bem na vitória sobre o São Paulo, semana passada, pela Copa Sul-Americana.Domingos, que era titular até ir para a seleção brasileira Sub-20, ficará na reserva. E Ávalos está suspenso. Por isso, a nova promessa de Luxemburgo terá a companhia de André Luís na zaga."É hora de aproveitar e mostrar o meu valor. Foi uma surpresa muito boa para mim. O professor me passou muita confiança. Será uma responsabilidade que qualquer garoto na minha idade queria ter", disse Leonardo.

Agencia Estado,

15 de outubro de 2004 | 18h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.