Santos se reapresenta e Luxemburgo pode poupar jogadores

Os jogadores do Santos que participaram da vitória sobre o América, por 4 a 1, se reapresentaram na manhã desta quinta-feira para realizar um trabalho de recuperação muscular, uma vez que o clube voltará aos gramados no próximo sábado para enfrentar o São Bento, pelo Paulistão.Os atletas que não atuaram na partida participaram de um jogo-treino contra a Portuguesa Santista, que disputa a Série A-2. Apesar do grande número de jogos, o técnico Vanderlei Luxemburgo não pretende dividir a delegação em dois grupos (titulares e reservas)."Temos um grupo capaz de manter o equilíbrio físico para os jogos", explicou o treinador, que conquistou a sétima vitória no Paulistão em oito confrontos. "Quero os jogadores disponíveis para utilizá-los da melhor forma possível, sem ter de dividi-los."Apesar de evitar privilegiar a Libertadores (o time joga na próxima semana contra o Deportivo Pasto, da Colômbia), o treinador pode poupar alguns atletas para o confronto contra o São Bento. "Quem for para o banco não pode se desesperar. Vamos nos empenhar para manter o bom momento do time. Todos terão chances de atuar."Há a possibilidade de Pedro ser poupado para o jogo da Libertadores contra o Deportivo Pasto, na próxima quarta-feira à noite, na Colômbia, dando lugar a Denis, que já participou normalmente de três jogos treinos. Outro que com certeza vai começar jogando é Pedrinho, para Zé Roberto descansar. Fabiano, curado do problema no joelho, foi o centroavante do time nesta quinta cedo, contra a Portuguesa Santista - fez um gol - e também tem chance de ser titular no jogo, ao lado de Marcos Aurélio. A viagem para a Colômbia está confirmada para segunda-feira cedo e no retorno, o time seguirá direto para Marília para o jogo do outro domingo, à noite, contra o Marília.Na sexta-feira, Luxemburgo realizará um treino tático para definir a equipe que entrará em campo no sábado. A partida acontecerá na Vila Belmiro, às 18h10. (Com Sanches Filho)Atualizado às 18h32 para acréscimo de informações

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.