Ivan Storti/Santos
Ivan Storti/Santos

Santos será agressivo contra o Água Santa para evitar um vexame no Paulistão

Com um ponto a menos na classificação em relação ao Santo André, o time precisa passar pelo rival e ainda torcer para a Inter somar ao menos um ponto

Fábio Hecico, O Estado de S.Paulo

19 de março de 2022 | 05h00

O Santos entrará em campo pressionado neste sábado, às 16 horas, diante do Água Santa, na Vila Belmiro. Mas confiante em buscar dois propósitos no Paulistão: escapar do rebaixamento e se garantir nas quartas de final. O técnico Fabián Bustos promete um time agressivo para alcançar a "importante classificação." Ficar ausente da fase final pelo segundo ano seguido seria um enorme vexame.

A segunda missão, porém, não depende apenas do esforço dos santistas. Com um ponto a menos na classificação em relação ao Santo André, o time precisa passar pelo Água Santa e ainda torcer para a Inter somar ao menos um ponto no Bruno José Daniel. A confiança vem pelo fato de a equipe de Limeira também brigar por uma vaga às quartas e necessitar de um resultado bom.

Mesmo com a lesão muscular do jovem atacante Ângelo, Bustos promete mandar escalação ousada a campo em busca de sua primeira vitória comandando um time brasileiro - vem de dois empates e uma derrota. Léo Baptistão pode aparecer na frente, assim como Lucas Braga.

A ordem é buscar um gol rápido para evitar pressão dos santistas, revoltados com somente duas vitórias em 11 partidas e, pelo segundo ano seguido, vendo o time chegando à rodada final sob risco de queda. Em 2021 a vaga não veio e o medo é que a eliminação precoce se repita. Agindo como escudo do elenco, Bustos pede que a torcida seja um jogador a mais em campo.

"Pedimos para o torcedor apoiar os jogadores. Dois resultados são convenientes na última rodada, um para classificação e outro para continuarmos somando. Vamos continuar melhorando, crescendo, e precisamos de um clima bom, não hostil", apela Bustos.

O argentino viu melhora no time apesar da falta de resultados e acredita que o incentivo fará o Santos desencantar. "O elenco precisa de apoio agora, mais do que nunca. Com apoio, vamos ganhar", enfatizou. "Eles (Água Santa) estarão mais descansados, mas faremos um esforço grande para ganhar em casa e ficarmos tranquilos, já pensando nas quartas de final ou no sorteio da Sul-Americana, Brasileirão e tudo que vem pela frente."

Apesar de a ameaça de queda existir, poucos acham possível. O Santos teria de perder seu jogo e a Ponte Preta ainda precisaria somar os três pontos diante do Ituano, no Moisés Lucarelli. 

ÁGUA SANTA

Praticamente livre do rebaixamento para a Série A2, o Água Santa chega na última rodada com chances de classificação. A tarefa, porém, não é fácil. Na lanterna do Grupo A, com 11 pontos, precisa ganhar e torcer para a Inter de Limeira perder no ABC para o Santo André e o Guarani não ganhar do São Bernardo, também fora de casa.

Ainda comandado interinamente por Sérgio Simões - o clube não contratou treinador desde a demissão de Sérgio Guedes, no início do mês -, o Água Santa vai ter pelo menos uma alteração em relação ao jogo contra o Santo André.

O zagueiro Rodrigo Sam, que vem atuando como volante, retorna após cumprir suspensão. Caíque deixa o time titular. Substituído ainda no primeiro tempo, o zagueiro Marcondes é dúvida. Hélder é seu substituto imediato. Esta pode ser a última partida de Caio Dantas pelo Água Santa. Reserva, o atacante acertou as bases salariais com o Cruzeiro e vai desembarcar em Belo Horizonte assim que o time de Diadema encerrar sua participação no Paulistão.

FICHA TÉCNICA

SANTOS x ÁGUA SANTA

SANTOS - João Paulo; Auro, Kaiky, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Sandry, Vinícius Zanocelo e Ricardo Goulart; Lucas Braga, Marcos Leonardo e Lucas Barbosa (Léo Baptistão). Técnico: Fabián Bustos.

ÁGUA SANTA - Victor Souza; Alex Silva, Marcondes, Jeferson Bahia e Alyson; Rodrigo Sam, PH Guimarães e Vinícius Reis; Dadá Belmonte, Lelê e Álvaro. Técnico: Sérgio Simões (interino).

ÁRBITRO - Vinícius Gonçalves Dias Araújo.

HORÁRIO - 16h.

LOCAL - Vila Belmiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.