Santos sonha com Vágner Love e Luisão

O Santos sonha alto: quer Vágner Love e Luisão formando a dupla de ataque. Mesmo com as negociações adiantadas para a contratação de Luisão, os dirigentes não desistiram de levar Vágner Love para a Vila Belmiro e querem os dois atuando juntos. O clube tem pressa em fechar as negociações, pois quer incorporar os reforços ao grupo que inicia nesta quinta-feira a intertemporada em Atibaia. A proposta apresentada pelo Santos por Vágner Love, de 10 milhões de euros, não foi aceita pelo CSKA, mas os entendimentos continuam e a contratação poderá ser fechada nos próximos dias. O clube russo pede US$ 15 milhões, a metade do que os santistas faturaram com a venda de Robinho para o Real Madrid. Pesa a favor do Santos o desejo do jogador em retornar ao Brasil, já pensando na Copa do Mundo do ano que vem. Com Luizão, os números ainda não estão batendo. Quando o jogador foi oferecido, a pedida foi de US$ 3 milhões, cabendo metade ao atacante e metade ao Nagoya Grampus. Os santistas tentam reduzir esses valores. Mesmo tudo estando acertado em relação ao lateral-esquerdo Kleber, os santistas não anunciam oficialmente a contratação. Esperam receber a documentação do Basel liberando o atleta, que deverá chegar ao Brasil nos próximos dias e irá se encontrar com os novos companheiros em Atibaia, onde fará os exames médicos. O Santos conseguiu seu empréstimo por um ano, com preço do passe fixado em 3 milhões de euros. Pagou 1 milhão para ter o substituto de Léo, que está no Benfica. Com o fechamento das inscrições na Europa, o Santos vai ganhar espaço, pois é o clube brasileiro em melhor condição de repatriar jogadores brasileiros. Por isso, outros reforços estão sendo pretendidos e podem chegar. Os santistas sondam os atletas que não estão bem em seus clubes e acenam com a proposta de empréstimo, pagando os salários e garantindo uma valorização, como aconteceu com o atacante Deivid.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.