Santos tem jogo difícil no interior

Uma partida difícil, em que o adversário, jogando em casa, vai tentar a reabilitação de qualquer maneira, pois vem de derrota para a Portuguesa. É desta forma que o técnico Geninho encara o jogo deste domingo, às 16 horas, em Santa Bárbara D?Oeste, contra a equipe do União Barbarense. Por essa razão, o treinador pretende escalar um time bastante ofensivo. O ataque santista não apresenta nenhum problema, mas na defesa a situação não é a mesma. O zagueiro André Luís ainda faz tratamento para se recuperar de uma torção no tornozelo direito e nem participou dos treinos de sexta-feira. Hoje, o jogador passa por uma avaliação médica, que será feita momentos antes do jogo. Caso não tenha condições, Geninho já antecipou que vai repetir o mesmo time que derrotou o Vasco por 3 a 0, quarta-feira, na Vila Belmiro, pelo Torneio Rio-São Paulo, com Claudiomiro sendo o terceiro homem de marcação. Além de André Luís, outros dois jogadores preocupam Geninho: Marcelo Silva sofreu uma contusão na coxa esquerda e o lateral Léo faz tratamento em razão de uma pancada no tornozelo esquerdo.Enquanto o setor defensivo preocupa o técnico, o meio-campo e o ataque deixam o treinador mais tranqüilo. Dodô, que apresentou queda de pressão e vômito na partida de quarta-feira, obrigando Geninho a substituí-lo no segundo tempo, está recuperado e na sexta-feira treinou normalmente. Já em relação ao meio-campo, Geninho tem insistido com Renato e Robert para que arrisquem chutes de longa distância, uma vez que, de modo geral, os adversários costumam fechar a entrada da área, dificultando o trabalho deles. Renato, que de marcou seu primeiro gol com a camisa santista na quarta-feira, garante que seguirá à risca as orientações do técnico: "Ele pediu para eu arriscar um pouco mais no início da semana e deu certo." O meia Robert também tem recebido a mesma orientação. "O professor vem pedindo que eu chute mais, arriscando mesmo, sem dar preferência ao passe, que é mais o meu estilo." União - Para este jogo, o técnico do União Barbarense, Luís Carlos Martins, vai mudar a equipe, pois no meio da semana o volante Henrique foi negociado com o futebol chinês. Sem contar ainda com um reforço para a posição, o treinador deve optar por Agnaldo Xavier. Na defesa, a novidade é o retorno de Émerson.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.