Ivan Storti/Santos
Ivan Storti/Santos

Santos tem pior renda líquida do ano na Vila no jogo contra o Fluminense

Em vitória por 2 a 1 sobre rival carioca, time da Baixada Santista lucrou apenas R$ 94.788,01

Leandro Silveira, Estadão Conteúdo

04 de maio de 2019 | 12h11

O Santos manteve o início perfeito no Campeonato Brasileiro e seguiu 100% na Vila Belmiro nesta temporada ao superar o Fluminense por 2 a 1, quinta-feira, pela segunda rodada do torneio nacional, mas o duelo também registrou a menor receita líquida do clube nos jogos disputados no estádio em 2019: R$ 94.788,01.

O borderô publicado pela CBF em seu site oficial confirma que o jogo teve renda de R$ 294.075 e público de 10.564 pagantes. Mas o Santos faturou menos de R$ 100 mil em seu primeiro compromisso como mandante nesta edição do Brasileirão em função das despesas com a operação do seu estádio.

O valor arrecadado é inferior ao dos outros três duelos que o Santos fez na Vila Belmiro em 2019, contra Ferroviária (R$ 127.938,83), Atlético Goianiense (R$ 150.715,78) e Vasco (R$ 171.930,94).

Apesar disso, o compromisso com o Fluminense registrou o segundo maior público do Santos na Vila Belmiro em 2019, atrás apenas do duelo com o Atlético-GO, quando 11.623 torcedores compareceram ao duelo de reabertura do estádio após quase três meses de obras. Mas também teve a segunda menor receita bruta.

Os recordes negativos de público - 8.616 torcedores - e de renda bruta - R$ 252.135 - do Santos na Vila Belmiro nesta temporada são da estreia do time no Campeonato Paulista, o duelo com a Ferroviária, vencido por 1 a 0.

Em 2019, o Santos disputou outros nove jogos como mandante, todos no Pacaembu, sendo oito por competições nacionais e estaduais - o duelo pela Copa Sul-Americana, contra o uruguaio River Plate, foi realizado com os portões fechados por punição imposta pela Conmebol.

Embora os custos para utilização do estádio municipal sejam superiores aos da Vila Belmiro, quatro desses oito compromissos tiveram receita líquida superiores a qualquer duelo do time na Baixada. Foram os clássicos contra São Paulo e Corinthians, além dos confronto com o Mirassol, pela primeira fase do Paulistão, e o Red Bull Brasil pelas quartas de final do Estadual.

Confira os públicos e as rendas líquida e bruta do Santos em jogos na Vila Belmiro nesta temporada:

19/01 - Santos 1 x 0 Ferroviária - 8.616 torcedores e R$ 127.938,83 (R$ 252.135)

11/04 - Santos 3 x 0 Atlético-GO - 11.623 torcedores e R$ 150.715,78 (R$ 314.220)

17/04 - Santos 2 x 0 Vasco - 8.659 torcedores e R$ 171.930,94 (R$ 388.682,50)

02/05 - Santos 2 x 1 Fluminense - 10.564 torcedores e R$ 94.788,01 (R$ 294.075)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.