Santos tem zagueiro suspenso e Oswaldo reclama

Para a próxima partida, quinta-feira, contra o Bragantino, na Vila Belmiro, o técnico Oswaldo de Oliveira não poderá contar com o zagueiro Gustavo Henrique, que levou o terceiro cartão amarelo no clássico contra o São Paulo. Ele lamentou a ausência de seu jogador santista e reclamou da punição ao atleta. "Os jogadores do Santos levam cartões que os adversários não levam. O árbitro teria de fazer a mesma coisa que fez comigo com os outros", conta, se referindo à sua expulsão.

PAULO FAVERO, Agência Estado

24 de fevereiro de 2014 | 08h05

O treinador gostou da postura de sua equipe principalmente na etapa final, quando o Santos teve a chance de marcar, mas parou em Rogério Ceni e, segundo o comandante, nos erros de arbitragem. "Tivemos um grande jogo. Achei o São Paulo melhor no primeiro tempo, o segundo foi do Santos. Tivemos as penalidades não marcadas, o São Paulo também chegou no ataque e foi muito equilibrado. Acho que pelo que fizemos no segundo tempo, poderíamos ter saído com a vitória."

Oswaldo também percebe uma evolução em Leandro Damião, que sonha com uma convocação para a seleção brasileira, e aposta que seu principal atacante vai crescer ainda mais nos próximos confrontos. "Ele tem de jogar e repetir partidas. Saiu de um clube onde ficou por muitos anos, chegou no outro recentemente e está ainda conhecendo os companheiros. Gradativamente ele tem tido uma participação mais firme e consistente, ajudando mais a equipe. Esse é o caminho. A tendência é que venha o entrosamento."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCOswaldo de Oliveira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.