Montagem: Ivan Storti/Santos FC e Alex Silva/Estadão
Montagem: Ivan Storti/Santos FC e Alex Silva/Estadão

Santos tenta dar o troco no Corinthians na 'antiga' casa do rival

No Pacaembu, time da Baixada tenta se recuperar de derrota por 2 a 1 no jogo de ida da semifinal

João Prata, O Estado de S.Paulo

08 de abril de 2019 | 04h30

Santos e Corinthians se enfrentam hoje, às 20h, no Pacaembu, por uma vaga na final do Campeonato Paulista. As duas equipes chegam para o clássico depois de resultados ruins na Copa do Brasil e sob desconfiança de seus torcedores.

O Corinthians vive situação mais cômoda, porque garantiu um lugar na próxima fase do torneio mata-mata mesmo com derrota para o Ceará. Ainda antes, venceu o Santos no jogo de ida por 2 a 1 em Itaquera e garante a vaga na decisão do Estadual apenas com um empate.

O time de Jorge Sampaoli perdeu para o Atlético-GO por 1 a 0 fora de casa na partida de ida. O que ameniza o revés é que o Santos entrou em campo com um time formado na maioria por reservas, pois jogou na quinta-feira. O lateral-esquerdo Victor Ferraz, um dos poucos titulares que atuou no meio de semana, comentou sobre a atual situação da equipe.

"Temos um time experiente, calejado, que já passou muitas vezes por essa situação. Agora é o momento de todo mundo buscar sua melhor performance pelas duas classificações", comentou. "Acho que somos preparados para isso. Para momentos decisivos, para todos corresponderem à altura", complementou.

Sampaoli não revelou a escalação. A principal dúvida está no ataque. O treinador deve começar com Rodrygo ao lado de Derlis González. Mas Cueva também está na briga pela posição. Quem tem presença incerta é o zagueiro Felipe Aguilar, que se chocou de cabeça com Danilo Avelar no jogo de ida e deixou o campo de ambulância. O jogador não enfrentou o Atlético-GO e o treinador não informou se ele voltará.

No Corinthians, o técnico Fábio Carille deve contar com o retorno de Manoel, que ficou de fora do jogo com o Ceará por causa de dores no ombro. Com isso, a tendência é que o Corinthians seja o mesmo do jogo de ida do Estadual. Sornoza deve seguir com a vaga no meio-campo e Vagner Love continuará aberto pela direita.

PACAEMBU

Carille tentou se esquivar ao ser questionado se no Pacaembu, palco da conquista histórica da Libertadores de 2012, o Corinthians ainda se sentia em casa. Mas admitiu que sua equipe é favorita para garantir a classificação. "Se é em casa ou fora o respeito é o mesmo. O que comanda é dentro do campo. Hoje vejo 55% (de chance de classificação) para o Corinthians por conta dessa pouca vantagem na primeira semifinal", avaliou.

Corinthians e Santos já se enfrentaram no Pacaembu por 97 vezes. O time do Parque São Jorge leva vantagem: são 36 vitórias, 33 empates e 28 derrotas, de acordo com informações do Almanaque do Timão. A equipe da capital marcou 150 gols e sofreu 134.

O encontro mais recente aconteceu no Campeonato Brasileiro do ano passado, em outubro, e o Santos foi o mandante. Os anfitriões fizeram valer a presença de seus torcedores e venceram por 1 a 0, com gol de Gabriel.

FICHA TÉCNICA

SANTOS X CORINTHIANS

SANTOS - Vanderlei; Victor Ferraz, Felipe Aguilar (Lucas Veríssimo), Gustavo Henrique e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca, Carlos Sánchez e Jean Mota; Derlis González e Rodrygo (Cueva). Técnico: Jorge Sampoli.

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Henrique, Manoel e Danilo Avelar; Ralf, Junior Urso e Sornoza; Vagner Love, Gustagol e Clayson. Técnico: Fábio Carille.

ÁRBITRO -  Raphael Claus

HORÁRIO - 20h (de Brasília)

NA TV - Pay-per-view

LOCAL - Estádio do Pacaembu, em São Paulo.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.