José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Santos testa sua força em Minas contra o Cruzeiro

Equipe enfrenta um dos melhores times da disputa e terá noção mais exata de sua capacidade

SANCHES FILHO - Colaborou MARCELO PORTELA, O Estado de S. Paulo

11 de agosto de 2013 | 08h00

SANTOS - O Santos se fortaleceu com o empate com o Corinthians e hoje planeja dar mais um passo para encurtar a distância para os concorrentes que estão no topo da classificação do Campeonato Brasileiro. Para isso, terá de retomar o caminho das vitórias da competição - após 2 empates e 1 derrota -, algo que não será fácil. O adversário é o Cruzeiro, que faz excelente campanha, e a partida, às 16 horas, vai ser disputada no Mineirão.

Confiança parece não faltar. O técnico Claudinei Oliveira, que dará lugar a alguém mais experiente nos próximos dias, se mostra otimista. “O planejamento é para que o time tenha contra o Cruzeiro a raça e a dedicação da quarta-feira’’, disse. “Vamos eliminar os pontos fortes e explorar algumas fragilidades do Cruzeiro, para tentar somar os três pontos’’, acrescentou o treinador.

No clube, todos querem deixar no passado a vexatória derrota por 8 a 0 para o Barcelona. E vencer um dos melhores times do Brasileiro daria boa contribuição para isso.

Esta tarde, Claudinei deve repetir a estratégia que deu certo na quarta-feira, armando o time com forte poder de marcação, provavelmente com Alison como terceiro volante, e Mena no lugar de Léo, poupado. Giva substitui Willian José, expulso contra o Corinthians.

O jogo marcará o reencontro de Montillo que seu ex-clube, onde teve ótima passagem. As organizadas do time mineiro, porém, prometem recebê-lo com uma chuva de moedas. Uma ingratidão, entende o argentino. "Joguei com o meu filho na UTI de um hospital para ajudar o Cruzeiro, que estava ameaçado de ser rebaixado, e não fui chorar para ninguém."

Para Montillo, a transferência também foi boa para o Cruzeiro. "O clube estava sem dinheiro, tanto é verdade que ficou um ano em meio sem contratar jogadores para voltar a disputar título", afirmou. O meia diz ter muito respeito pelo Cruzeiro e promete não comemorar se marcar esta tarde.

No Cruzeiro, Everton Ribeiro está suspenso e o técnico Marcelo Oliveira tem três opções: Martinuccio, Lucca e William. Se vencer, o time terminará a rodada na liderança.

CRUZEIRO X SANTOS

CRUZEIRO - Fábio; Mayke, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Nilton, Souza, Martinuccio e Ricardo Goulart; Luan e Vinícius Araújo. Técnico: Marcelo Oliveira.

SANTOS - Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Durval e Mena; Arouca, Cícero, Alison e Montillo; Giva e Neilton. Técnico: Claudinei Oliveira.

ÁRBITRO - Paulo H. Godoy Bezerra (SC); Horário - 16h; TV - Globo e Band; Local - Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoSantosCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.