Ivan Storti/Divulgação
Ivan Storti/Divulgação

Santos usa semana livre para se preparar para volta contra a Ponte Preta

Técnico Dorival Júnior tem a missão de corrigir as falhas da equipe santista

O Estado de S. Paulo

03 de abril de 2017 | 07h00

Sem compromisso no meio da semana, o Santos só volta aos treinamentos na terça-feira, às 15h30. A missão do técnico Dorival Júnior será preparar o time para o confronto de volta das quartas de final do Campeonato Paulista. Em desvantagem depois da derrota para a Ponte Preta por 1 a 0, em Campinas, a equipe santista precisa da vitória para assegurar a vaga nas semifinais.

O clube espera contar com a presença de Zeca, que aproveitou a folga para ir à Italia para finalizar a regulamentação de sua cidadania italiana, na reapresentação do elenco. O lateral-esquerdo foi vetado da partida do último sábado pelo departamento médico devido a um edema muscular na região direita do quadril e fez falta para o time do Santos, que teve de improvisar Jean Mota na posição.

O Santos volta a enfrentar a Ponte Preta no dia 10 de abril (segunda-feira), às 20 horas, no Pacaembu. O estádio paulista será um dos trunfos da equipe, que acumula uma série de 17 vitórias consecutivas. Mas nem todos ficaram satisfeitos com a escolha da diretoria santista. 

O técnico Dorival Júnior, contudo, evitou alimentar a polêmica. "Não vou falar nada a respeito dessa definição. Cada um tem uma maneira de pensar, eu respeito. Nós vamos jogar no Pacaembu e vamos fazer um grande jogo", disse o treinador.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.