Arquivo/AE
Arquivo/AE

Santos vê jogo desta quarta como 'confronto direto'

Paulo Henrique afirma que clube precisa vencer o Atlético-PR para conquistar a vaga na Sul-Americana

Sanches Filho, O Estado de S. Paulo

27 de outubro de 2009 | 20h48

Já conformado com a impossibilidade de ainda buscar uma vaga na Libertadores do ano que vem, o Santos foca suas atenções agora para garantir ao menos um lugar na Copa Sul-Americana. Na 13.ª posição do Campeonato Brasileiro, o time enfrenta nesta quarta-feira, em Curitiba, o Atlético-PR, 14.º colocado, e para os santistas o duelo pode ser considerado como um "confronto direto".

 

Veja também:

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabelaClassificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

"Vai ser um confronto direto entre o 13.º e o 14.º na tentativa de classificação para a Sul-Americana. Vamos entrar em campo motivados e temos chance de vencer, mesmo o jogo sendo fora de casa", disse nesta terça Paulo Henrique. Para o meia-atacante, o Santos tem mostrado evolução nos últimos jogos. "Falta apenas uns acertos táticos. Tanto que marcamos três gols, mas sofremos quatro contra o São Paulo. Isso não pode acontecer num jogo dentro de casa."

Rodrigo Souto, por sua vez, é menos otimista. Para o volante, o jogo desta quarta pode ser sim um confronto direto, mas já na briga contra a ameaça de rebaixamento. "Temos que brigar pela Sul-Americana e com a consciência de que, em caso de derrota, a situação se agravará porque ficaremos numa zona mais incômoda ainda", alertou. "É hora de mostrar profissionalismo e procurar terminar o Brasileiro com vitórias."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroSantos FC

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.