Santos vence e espera Corinthians

Depois de vencer a Ponte Preta, por 2 a 1, em jogo-treino realizado nesta quinta-feira, o Santos volta a se preparar para o amistoso deste sábado, às 15 horas, quando enfrenta o Corinthians, na Vila Belmiro. A expectativa dos dirigentes é de que o Estádio Urbano Caldeira fique lotado, por tratar-se de uma partida realizada em um sábado e pelo fato de o Santos ficar sem jogar em seus domínios há mais de três meses. O último jogo oficial disputado diante da torcida foi no dia 7 de abril, quando o Santos venceu o São Paulo por 3 a 1, ainda pelo Torneio Rio-São Paulo. Mesmo tratando-se de um jogo-treino, disputado em uma quinta-feira, 2.800 torcedores foram à Vila Belmiro. Aos 7 minutos do primeiro tempo, Basílio marcou o primeiro gol para a Ponte Preta, aproveitando uma falha da defesa. O empate aconteceu aos 16 minutos, com Elano e, Renato confirmou a virada aos 20. O segundo tempo foi marcado pela queda de ritmo das duas equipes. Para o jogo deste sábado, o técnico Emérson Leão deve escalar praticamente o mesmo time que atuou nesta quinta-feira: Júlio Sérgio; Maurinho, André Luiz, Preto e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano e Diego; Fabiano Souza e Alberto. O volante Alexandre, ex-Guarani, de 21 anos, contratado por um ano, e que foi apresentado na quarta-feira, deverá ser testado pelo treinador, que espera para semana que vem uma definição dos dirigentes sobre a vinda de novos reforços. Leão quer pelo menos mais um meia e um atacante, pois Robert, emprestado para o São Caetano, não deverá retornar ao clube. O presidente do time do ABC manifestou interesse em negociar a transferência definitiva do atleta, logo após o término da Libertadores. A estréia do Santos no Campeonato Brasileiro está marcada para o dia 10 de agosto, diante do Botafogo-RJ, na Vila Belmiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.