Ricardo Saibun/ Divulgação
Ricardo Saibun/ Divulgação

Santos volta aos treinos com Longuine na vaga de Lucas Lima

Marcelo Fernandes arma time para clássico contra Corinthians

Estadão Conteúdo

16 de junho de 2015 | 19h38

Preocupado em garantir um bom resultado no clássico para se manter no cargo, o técnico Marcelo Fernandes começou nesta terça-feira a armar o Santos para enfrentar o Corinthians, neste sábado, na Vila Belmiro, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. O atacante Rafael Longuine treinou entre os titulares na vaga do meia Lucas Lima (que cumprirá suspensão), deixando a formação mais ofensiva.

Rafael Longuine atuou como armador e a equipe continuou com três atacantes: Gabriel, Geuvânio e Ricardo Oliveira. Marquinhos Gabriel também treinou entre os titulares, mas deve dar lugar ao volante Renato, que se recupera de problema no joelho esquerdo e foi poupado da atividade desta terça-feira no CT Rei Pelé.

"Em um campeonato longo teremos desfalques de um ou outro jogador por lesão ou suspensão. O importante é que quem entre possa ajudar. Independentemente de quem jogar, é um clássico importantíssimo", comentou Renato. O zagueiro David Braz tem chance de jogar. O jogador está com uma inflamação no púbis e tem sido substituído por Gustavo Henrique.

O treinamento desta terça-feira foi o primeiro da semana aberto aos jornalistas. O time não vence há cinco rodadas e no último fim de semana entrou na zona de rebaixamento - tem apenas sete pontos em 21 disputados.

Esta sequência ruim por pouco não tirou Marcelo Fernandes do cargo - na última semana, a diretoria chegou a procurar Oswaldo de Oliveira, que havia acabado de ser demitido do Palmeiras, para retornar ao comando do time e o acerto só não se concretizou porque foi vetado pelo Comitê de Gestão.

O que salvou o atual treinador foi o empate fora de casa com o Atlético Mineiro, em um jogo em que o time mostrou poder de reação para buscar um ponto depois de estar perdendo por 2 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.