São Bento confirma participação na Série D do Campeonato Brasileiro

A direção do São Bento confirmou nesta quarta-feira a sua participação na Série D do Campeonato Brasileiro. Segundo o clube, a decisão foi tomada na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Durante a semana a diretoria vivia um clima de indecisão, pois temia não ter recursos para participar da competição.

Estadão Conteúdo

27 de abril de 2016 | 16h40

O clube de Sorocaba volta a disputar um campeonato nacional 24 anos depois de sua última presença, em 1992. Na nota oficial, a direção diz que participará "apesar das dificuldades para a montagem de um elenco competitivo". O campeonato está marcado para começar no próximo dia 12 de junho, ou seja, a comissão técnica terá 44 dias para reformular o time.

Com a decisão, o São Bento foca permanência do técnico Paulo Roberto Santos. Ele vinha pretendido por clubes do futebol brasileiro, como América-RN e Cuiabá, mas já revelou que a preferência é dos sorocabanos. Com isso, a sua permanência é dada como 50% certa.

Ainda assim, o treinador pediu um tempo para avaliar as propostas e deve dar uma resposta ainda nesta semana. O São Bento afirmou publicamente que não vai atrás de outros profissionais até ter o posicionamento do comandante. Com Paulo, o clube fez a terceira melhor campanha da primeira fase do Campeonato Paulista, com 27 pontos. Depois caiu nas quartas de final, contra o Santos, na Vila Belmiro.

O Estado de São Paulo vai ter quatro representantes na Série D de 2016. São Bento e Audax se garantiram tecnicamente por suas campanhas no Paulistão. Linense e Ituano foram, respectivamente, campeão e vice da Copa Paulista do ano passado. Red Bull Brasil e São Bernardo tinham interesse na desistência do São Bento, tanto que já tinham pleiteado a vaga junto à Federação Paulista de Futebol (FPF).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.