São Bento vence Rio Claro e assume vice-liderança do Grupo A do Paulistão

Beneficiado pela derrota do Linense para o Red Bull Brasil na manhã deste sábado, por 3 a 0, o São Bento voltou à vice-liderança do Grupo A do Campeonato Paulista ao vencer o Rio Claro, também por 3 a 0, no Estádio Walter Ribeiro, pela nona rodada. O atacante Anderson Cavalo foi o destaque com dois gols - Edno completou.

Estadão Conteúdo

12 de março de 2016 | 18h10

A vitória fez o São Bento chegar aos 14 pontos e subir para a vice-liderança, deixando o Linense, com 13, para trás. E o time também se reabilitou da derrota para o Red Bull Brasil, por 2 a 0, quando deixou de ser o último invicto da competição. Sem vencer há três partidas - duas derrotas e um empate -, o Rio Claro estacionou nos oito pontos e, em quarto lugar no Grupo D, está na zona de rebaixamento, amargando a 18.ª posição na classificação geral, na zona de rebaixamento.

O primeiro tempo foi totalmente dominado pelo São Bento, que poderia ter ido para o intervalo com um placar mais elástico que o 1 a 0. Diego Clementino perdeu gol feito logo no início, Marcelo Cordeiro cabeceou no travessão e Anderson Cavalo finalizou na trave. De tanto pressionar, o time da casa abriu o placar aos 42. Após dividir com o goleiro pelo alto, Cavalo ficou com a sobra e chutou para o gol aberto.

O panorama do jogo não mudou no segundo tempo e o São Bento ampliou aos quatro minutos, novamente com Anderson Cavalo. O atacante dominou na entrada da área e bateu no cantinho de Lucas. Sem forças para reagir, o Rio Claro praticamente não finalizou em direção ao goleiro Henal e viu o time da casa ampliar aos 45 minutos. Rossi cruzou e Edno cabeceou para o gol.

O São Bento volta campo no próximo sábado contra o Mogi Mirim, às 18h30, fora de casa. No domingo, o Rio Claro encara o Santos, às 19h30, em casa. Os jogos são válidos pela décima rodada.

FICHA TÉCNICA

SÃO BENTO 3 X 0 RIO CLARO

SÃO BENTO - Henal; Bebeto, Pitty, João Paulo e Marcelo Cordeiro; Fábio Bahia, Éder (Hygor) e Clebson; Rossi, Diego Clementino (Mateus Muller) e Anderson Cavalo (Edno). Técnico: Paulo Roberto Santos.

RIO CLARO - Lucas Frigieri; Luis Felipe, Alex Silva, Odair Lucas e Felipe Saturnino (Joãozinho); Jean Patrick, Elsinho, Thiago Cristian e Léo Costa (João Paulo); Romarinho (Fabrício) e Lucas Xavier. Técnico: Sérgio Guedes.

GOLS - Anderson Cavalo aos 42 minutos do primeiro tempo; Anderson Cavalo aos quatro e Edno aos 45 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Ilbert Estevam da Silva.

CARTÕES AMARELOS - Éder e Anderson Cavalo (São Bento).

RENDA R$ 54.165,00.

PÚBLICO 1.325 pagantes.

LOCAL - Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
LinenseCampeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.