Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

São Caetano chegando na Libertadores

De vitória em vitória, o São Caetano vai garantindo mais uma vez presença na Copa Libertadores da América. Neste domingo à tarde, no estádio Anacleto Campanella, derrotou o Paysandu pelo placar de 3 a 0, que lhe mantém na quarta colocação do Brasileirão, com 62 pontos. Já o Paysandu permanece na 15ª colocação, com 43 pontos. O São Caetano teve mais domínio da posse de bola desde o primeiro minuto de jogo, mas encontrava dificuldades para se livrar da forte marcação do Paysandu. Recuado e na esperança de encaixar um contra-ataque, o Paysandu segurava o jogo no meio-de-campo. Sem conseguir crias jogadas, o São Caetano mais uma vez abusou dos lances de bola parada para conseguir marcar. Aos 31 minutos, Anderson Lima cobrou falta com perfeição e abriu o placar. Depois do gol, o São Caetano recuou a marcação, dando mais espaço para o Paysandu jogar. Mesmo assim, o clube paraense não assustou a meta de Sílvio Luiz. No segundo tempo, o panorama não mudou. Como tem sido a tona nos jogos do São Caetano, quase nenhum lance de perigo foi registrado. Com a posse de bola no meio, não permitia que o Paysandu se atrevesse ao ataque e o goleiro Sílvio Luiz seguia como mero espectador. Novamente, quem fez a diferença foi o lateral-direito Anderson Lima. Aos 32 minutos, ele cobrou outra falta com perfeição e garantiu a vitória. No final do jogo, quando nenhum time esboçava alguma jogada, Fernando Baiano ainda marcou o terceiro, aproveitando falha de Alexandre Pinho, que saiu jogando errado. Na próxima rodada, o São Caetano atua novamente em casa, contra o Fluminense. O Paysandu busca a reabilitação contra o Goiás, no Mangueirão.

Agencia Estado,

17 de outubro de 2004 | 18h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.