São Caetano efetiva técnico interino para o Paulistão

Ainda que não tenha conquistado o acesso à primeira divisão do Campeonato Brasileiro, Ailton Silva foi mantido no comando do São Caetano para o Paulistão de 2013. O interino, que ocupou o cargo depois da demissão de Emerson Leão, convenceu a diretoria de que merecia ser efetivado no cargo.

AE, Agência Estado

27 de novembro de 2012 | 14h53

Em seis jogos sob seu comando, o time venceu quatro, empatou uma vez e perdeu outra. Terminou a Série B empatado em pontos com Vitória e Atlético-PR e só não subiu por conta do número de vitórias.

"Não é a primeira vez que vou assumir, mas desta vez é diferente. Tenho respaldo da diretoria e vou dirigir o clube na maior competição regional do País. É uma grande responsabilidade, mas estou pronto para encarar o desafio", destacou Ailton Silva.

A diretoria também garantiu a permanência do atacante Danielzinho, autor dos dois gols do São Caetano na vitória diante do Guarani, no último sábado. O jogador, contratado junto ao São Bernardo no meio do ano, participou de 29 jogos na Série B, fez nove gols e deu oito assistências. Agradou tanto que teve seus direitos federativos adquiridos e assinou até 2016.

"Tenho um carinho muito especial pelo São Bernardo e sou grato a todos que me ajudaram no começo da carreira. Mas desde que cheguei ao São Caetano meu objetivo sempre foi de permanecer no clube. Estou muito feliz, bem adaptado, e tenho a convicção que temos força para surpreender no Paulistão", destacou o jogador de 24 anos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão CaetanoPaulistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.